O governo do Estado autorizou na tarde desta segunda-feira, 17, o pagamento do setor moveleiro do estado, atendendo ao pedido da categoria, que tem sofrido economicamente devido à pandemia de Covid-19. Os móveis foram adquiridos no ano de 2019 pela Secretaria de Educação e destinados às escolas do Estado.

De acordo com o governador Gladson Cameli, o pagamento será realizado em uma única parcela. “O pagamento de dívidas é uma obrigação do Estado. E nesse governo queremos que os empresários cresçam e gerem cada vez mais empregos. Por isso, estamos procurando pagar todas as despesas adquiridas no menor espaço de tempo”.

De acordo com o governador Gladson Cameli, o pagamento será realizado em uma única parcela Fotos: Cedidas

Ribamar Trindade, secretário de Estado da Casa Civil, explicou que do montante utilizado para a efetivação da compra, uma parte foi com recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) e o residual seria pago por meio do programa Fonte 100, que concentra os recursos que podem ser empregados livremente pelo Executivo, pois não têm vinculação específica. “E é com esse recurso que será realizado o pagamento de mais de R$ 5 milhões de reais às indústrias moveleiras do estado”, enfatizou Trindade.

Para o secretário de Indústria, Ciência e Tecnologia, Anderson Abreu, o apoio do Estado para a indústria acreana é essencial para o pleno desenvolvimento do Estado e para a retomada da economia.

A reunião contou com a presença de representantes do setor moveleiro do Acre, do vice-governador Major Rocha, que prestou todo o apoio necessário quanto as tratativas para que o pagamento seja realizado o mais breve possível. O secretário de Educação, Mauro Sérgio Cruz e a diretora administrativa e financeira, Andreya Abomorad, também participaram da reunião.

Comentários