Uma grande ação realizada durante a manhã desta quinta-feira, dia 30, no Bairro Leonardo Barbosa, zona periférica da cidade de Brasiléia, resultou na prisão de três mulheres que estavam praticando o crime de comércio ilegal de entorpecentes.

Uma diligencia foi montada para averiguar ‘in-loco’ a denuncia feita. Foi quando surpreenderam as três mulheres na prática do crime. Uma delas, já é conhecida pela justiça acreana, e tida como representante de um grupo criminoso que estaria tentando dominar o bairro com o tráfico.

Diante do flagrante, foi realizado uma revista na casa e localizaram uma pistola municiada, além de uma quantia de R$ 419 reais em trocados, o que caracteriza o comércio da droga no local e tudo foi apreendido.

Ao todo, foi apreendido uma pedra de oxidado de cocaína pesando 60 gramas, 59 trouxinhas de cloridrato de cocaína, uma pistola calibre 32 municiada e o dinheiro proveniente do comércio ilegal de entorpecentes.

As três mulheres foram presas e levadas para a delegacia para serem ouvidas pela delegada titular do município, Carla Ivane, após passarem pelo exame de corpo delito. O trio poderá ser acusado pelo crime de posse e comércio ilegal de drogas, além do crime de porte de arma sem a devida licença.

Todas serão apresentadas ao juizado e Ministério Público para o procedimentos pertinentes ao caso.

 

Comentários