Dando continuidade aos trabalhos que resultou na prisão de nove pessoas envolvidas no assalto a uma joalheria na cidade de Cobija, lado boliviano no dia 3 passado, os investigadores da delegacia de Brasiléia, coordenado pelo delegado Sérgio Lopes, descobriram mais um envolvido.

Este irá responder por receptação e associação a grupo criminoso, sendo encontrado com ele, parte das joias roubadas no dia do crime. Foi quando descobriram que algo mais estaria escondido pelo grupo criminoso.

Em uma ação conjunta com os policiais da cidade de Cobija, foi encontrado em uma casa, cerca de 10 quilos de dinamites, que seriam usadas em agencias bancárias nos dois lados da fronteira nos próximos dias.

Segundo o delegado Sérgio Lopes, “…foi dado um duro golpe contra esses grupos criminosos, tirando deles armas e esse explosivo. Tudo leva a crer que podem estar ligados aos arrombamentos que aconteceram ano passado na fronteira e não vamos baixar a guarda e estamos intensificando o combate contra a criminalidade”, comentou.

Toda a dinamite foi entregue no comando da Polícia Nacional Boliviana em Cobija, capital do Estado do Pando, lado boliviano. As investigações ainda estão abertas e outros envolvidos podem ser detidos a qualquer momento.

Ação conjunta detém pessoas com dinamites e soluciona roubo de moto em Assis Brasil

Polícia Militar de Brasiléia encontra casa onde estava restante da dinamite e PF faz a detonação

 

Comentários