Áudios apresentados a jornalistas pelo dono do táxi em que o idoso trabalhava, revelam que o homem ficou internado por um dia e estava preocupado com os sintomas

Um médico alertou os policiais militares para que não chegassem próximo ao corpo, por haver suspeitas que a vítima morreu com Coronavírus
Rondoniagora

Um taxista de 65 anos, que morava na Rua Uruguai, no Bairro Nova Porto Velho, foi encontrado morto na manhã desta quarta-feira (8) por um amigo. Segundo relatos de vizinhos, o homem, identificado como “Leão” estava com sintomas de Coronavírus, teria feito exames e iria buscar o resultado nesta manhã. Ao chegar na residência o amigo o encontrou deitado na cama.

A PM e o Samu foram acionados e isolaram a área. Um médico alertou os policiais militares para que não chegassem próximo ao corpo, por haver suspeitas que a vítima morreu com Coronavírus. Os militares entraram na viatura, não mais saíram e acionaram o IML.

Áudios apresentados a jornalistas pelo dono do táxi em que o idoso trabalhava, revelam que o homem ficou internado por um dia e estava preocupado com os sintomas. Ele disse também que um médico relatou a ele que seu pulmão não estava bem. Em seguida fez exames. Na última conversa “Leão” fala que iria pra casa. “Estou com febre de novo e vou pra casa”.

O IML ainda não chegou ao local para resgatar o corpo.

Comentários