Prefeitura de Brasiléia intensifica combate à Dengue e alerta população

Como foi noticiado desde a semana passada, a fronteira do Acre vem sofrendo um aumento expressivo de casos de dengue. As cidades de Brasiléia, Epitaciolândia e Cobija (Bolívia), já estão trabalhando com suas Secretárias de Saúde para barrar esse possível surto.

No hospital regional do Alto Acre, cerca de 300 casos foram diagnosticados e para piorar, os sintomas são parecidos com a do covid-19, o que aumenta o nível de cuidados por parte da população, que devem ser aliados não deixando utensílios acumulando água nos quintais, onde os mosquitos colocam ovos.

Os postos de saúde devem ser procurados incialmente para uma triagem e somente depois poderá ser conduzido para a o hospital, se identificarem a gravidade da doença, mas, que pode ser combatida em casa com a descoberta tão logo sintam sintomas.

A prefeita de Brasiléia esteve reunida com a equipe da Saúde Municipal e estão traçando metas de combate ao mosquito da dengue. “Peço que os munícipes ajudem, não deixem utensílios acumulando água. A Prefeitura não tem poder de entrar no quintal e fazer o seu trabalho, colocando o veneno, etc”, disse.

Veja vídeo reportagem.

Comentários