Por Gisele Almeida

Um acidente assustou motoristas e moradores da Estrada do Quixadá, na quarta-feira (22), em Rio Branco.

É uma caçamba carregada de barro caiu no igarapé no quilômetro 19 depois que a ponte não aguentou o peso e quebrou.

No momento do acidente, três pessoas estavam dentro do veículo. Mas, segundo o ajudante de caminhoneiro Bruno Ferraz, apesar do susto, não tiveram ferimentos graves.

“Passamos a dianteira na ponte e quando foi para sair, a ponte estalou, o caminhão voltou de ré, caiu e quebrou. O pessoal disse que já estava quebrada, a fiscalização veio aqui ontem e não colocou nem uma placa avisando o limite de penso nem nada. É um medo grande, uma adrenalina muito doida. O cara pensa em tudo”, lembrou Ferraz.

__________________

Os moradores relataram à equipe da Rede Amazônica Acre que foi ao local que a ponte já estava quebrada e em péssimas condições. Mas, mesmo assim, estavam passando carros, caminhões e até ônibus escolares.

__________________

“Pelo estado dela, dava para ver que estava crítica, o problema é que a gente não tinha observado como estava as condições dela por baixo, porque, realmente, se os meninos soubessem, ninguém teria passado”, afirmou o produtor rural Leandro Medeiros.

Com a ponte quebrada, o acesso não é mais possível e os moradores vão ter que buscar outra alternativa para não ficar isolados. Antes, o produtor caminhava cerca de quatro quilômetros para chegar em casa, mas agora vai andar um pouco mais.

“Esse outro percurso vai dar aí uns dez quilômetros de desvio, a gente vai pegar uma área de barro. Vai ter acesso sim, mas com essa dificuldade e quando chover, fica intrafegável”, disse Medeiros.

Comentários