Conecte-se conosco





Cotidiano

Morre Mestre Juca, precursor do Taekwondo no Acre, vítima de Covid-19

Publicado

em

Após cerca de 10 dias em uma unidade de terapia intensiva (UTI) do Instituto de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into), onde estava intubado devido complicações da Covid-19, José Carlos Gomes Guimarães, de 62 anos, conhecido como Mestre Juca, morreu na madrugada desta segunda-feira (2). Seu estado era gravíssimo.

Um dos precursores do Taekwondo no Acre, nos anos 90, Mestre Juca era atualmente servidor da Secretaria de Justiça e Segurança Pública do Acre (Sejusp).

Familiares e amigos chegaram a realizar uma rifa no último final de semana para custear seu tratamento, mas ele não resistiu à doença.

O secretário de Segurança, Paulo Cezar, emitiu uma nota de pesar pelo seu falecimento, reconhecendo o serviço prestado tanto como servidor quanto como um importante professor de artes marciais que foi e em solidariedade à família.

Veja nota na integra:

O secretário de Estado da Justiça e Segurança Pública, Paulo Cézar Rocha dos Santos, manifesta o sentimento de luto e de pesar pelo falecimento deocorrida na madrugada desta segunda-feira, 02, no Instituto de Traumatologia e Ortopedia do Acre (INTO), em decorrência de complicações da Covid-19.

Considerado o precursor da arte marcial Taekwondo no Acre, Mestre Juca, como era popularmente conhecido, prestou significativos serviços à Segurança Pública do Acre, à começar ainda na década de 90, quando ministrou aulas de defesa pessoal à Companhia de Operações Especiais (Bope) e contribuiu com a capacitação de centenas de profissionais por vários anos.

Antes de ser acometido pela doença, Mestre Juca, que era servidor da Polícia Militar do Acre, prestava serviços a Secretaria de Estado da Justiça e Segurança Pública (Sejusp).

Neste momento de dor, as forças de Segurança do Estado do Acre, prestam solidariedade aos familiares e amigos enlutados. E que Deus em sua infinita misericórdia, possa lhes trazer o conforto necessário para acalentar o vazio e o sentimento de perda que assola os vossos corações.

“Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida. Aquele que crê em mim, ainda que esteja morto, viverá. E todo aquele que vive e crê em mim, jamais morrerá. Crês nisto?” (Jo 11, 25-26)

Rio Branco-Ac, 02 de Agosto de 2021.

Paulo Cézar dos Santos
Secretário de Estado da Justiça e Segurança Pública do Acre (Sejusp).

Comentários

Em alta