Superintendência Regional do DNIT no estado dá Ordem de Início à empresa contratada para executar a manutenção na BR-364/RO. Na próxima semana, a rodovia já deve receber material fresado para garantir sua trafegabilidade imediata.

Informações dão conta que caminhoneiros e moradores do Abunã, prometem fechar a BR-364 logo após a Ponte do Madeira, no sentido Rondônia onde se iniciaria na manhã desta quarta-feira, 5, na BR-364 que dá acesso ao Acre e Rondônia. Com isso, o estado pode ficar isolado via terrestre.

As péssimas condições da rodovia têm revoltado caminhoneiros e população local que buscam uma solução imediata.

Os manifestantes já informaram à PRF – Polícia Rodoviária Federal e garantem que só irão liberar o acesso e trânsito depois da presença de autoridades federais no local.

Após promessa de fechar BR-364, Dnit diz que serviços iniciarão em 10 dias

“Nós decidimos que vamos aguardar o prazo que foi dado por eles”, disse um dos manifestantes

Depois que ameaçaram fechar a BR-364, nas proximidades da ponto sobre o Rio Madeira, por conta das péssimas condições, os moradores e caminhoneiros foram surpreendidos na manhã desta quarta-feira (5) com um anúncio do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), informando que no prazo de até 10 dias a rodovia receberá os serviços de manutenção.

Os manifestantes avisaram as autoridades competentes sobre o ato, por meio de um comunicado oficial, que chegou até o DNIT.

O motorista Aldecarlos Queiroz de Souza, que é um dos organizadores do movimento, disse que o paralisação iniciaria nesta quarta, mas o prazo dado pelo órgão será aceito.

“Nós decidimos que vamos aguardar o prazo que foi dado por eles. Se em 10 dias os trabalhos não iniciarem, nós vamos fechar a rodovia. Não dá pra ficar dessa forma, com tantas vidas em jogo”, explicou.

Veja o comunicado publicado pelo DNIT, na íntegra.

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) informa aos usuários da BR-364, em Rondônia, que o trecho da rodovia localizado entre o distrito de Jaci-Paraná e a ponte do rio Madeira começa a receber serviços de manutenção nos próximos dias. Ainda nesta semana, a Superintendência Regional do DNIT no estado dá Ordem de Início à empresa contratada para executar a manutenção na BR-364/RO. Na próxima semana, a rodovia já deve receber material fresado para garantir sua trafegabilidade imediata.

Os serviços de manutenção e conservação rodoviária do trecho compreendido entre o KM 799 e o KM 937,6 foram licitados por meio do Pregão Eletrônico 160/2019. A mobilização de pessoal e de equipamentos da empresa começa logo após a assinatura da Ordem de Início. A primeira ação da empresa será aplicar o material fresado na pista. O objetivo é melhorar rapidamente a trafegabilidade na rodovia até que as condições meteorológicas permitam a execução de remendos profundos e serviços de tapa-buracos.

Comentários