depeliane (2)

A deputada estadual Eliane Sinhasique (PMDB) aproveitou as discussões sobre a educação, que aconteceram na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), na manhã de hoje (24), para denunciar que o Governo está desrespeitando o artigo 27 da Constituição do Estado que assegura a aplicação de 30% da receita resultante de impostos na Educação. Em 2014, o Estado destinou apenas 26,03% do orçamento.

“O Estado não aplicou os 30% na Educação. Isso é inconstitucional. Não fez as devidas aplicações na alfabetização de jovens e adultos, na ampliação da jornada escolar, na implantação de escola em tempo integral, não aplicou na promoção da educação indígena, nem na valorização dos profissionais da educação e nem em estímulo a inovação”, pontuou.

A peemedebista garantiu que cobrará o cumprimento da constituição. “Seremos insistentes na cobrança para que o Governo do Estado faça o que manda a lei e aplique pelo menos os 30% do seu orçamento na educação. Enquanto não tivermos educação de qualidade para as nossas crianças, certamente, não teremos uma sociedade melhor para todos”.

Valorização

Sinhasique apoiou a greve dos professores da rede pública do Estado que lutam por reajuste salarial. “Sou favorável ao movimento grevista por entender que de fato os nossos professores estão há dois anos sem ter ao menos a reposição da inflação em seus salários”.

A parlamentar acredita que a classe tem que ser valorizada e precisa também de melhores condições de trabalho. Ela citou como exemplo de problemas estruturais que atrapalham o andamento do ano letivo, a demora na execução de obras escolares: “Escolas fecham para reforma e passam dois três anos para serem entregues”.

Comentários