Prefeito Ti!ao Flores – Foto: Arquivo

O prefeito do município de Epitaciolândia, Tião Flores (PP), falou sobre o ocorrido na construção do ginásio poliesportivo que não suportou a força do vento neste domingo, fazendo com que a cobertura e parte das colunas de sustentação, caíssem na parte da tarde.

A construção do ginásio é a primeira parte da construção do Centro da Juventude que teve seu início na administração passada, mas parou por alguns meses devido a burocracia na liberação dos recursos, provenientes de emendas parlamentares, totalizando cerca de R$ 3 milhões de reais.

A primeira parte que estava em obra, tem um orçamento de pouco mais de R$ 900 mil reais e já estava bem avançada. Em contato com responsável pela obra por telefone que se encontrava na Capital, disse que estava se deslocando para Epitaciolândia e ser reunirá com o prefeito.

Tião Flores disse que estará se reunindo com técnicos da AMAC para realizar uma perícia, engenheiros da UFAC e com equipe da Caixa Econômica que é financiadora do projeto, uma vez que foi feito todas as vistorias para que pudessem dar andamento da obra.

Recentemente, na cidade de Rodrigues Alves onde se estava construindo um ginásio no mesmo modelo, também teve sua estrutura abalada com fortes rajadas de ventos, fazendo com que caísse. Nesse caso, igual ao de Epitaciolândia, ninguém saiu ferido.

Matéria relacionada:

Forte vendaval destrói cobertura de ginásio de Praça da Juventude em Epitaciolândia

Comentários