fbpx
Conecte-se conosco

Flash

Em TO, Tadeu Hassem participa de encontro com deputados de nove estados e discute regularização fundiária, emprego e renda no AC

Publicado

em

A fala aconteceu na quarta edição da Reunião Ampliada do Parlamento Amazônico, realizado em Palmas (TO)

O deputado estadual Tadeu Hassem (Republicanos) está em Palmas (TO) participando da IV Reunião Ampliada do Parlamento Amazônico, que acontece na Assembleia Legislativa do Tocantins (Aleto).

O encontro reúne diversos parlamentares das Assembleias Legislativas que integram a Amazônia Legal: Acre, Amapá, Amazonas, Maranhão, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins, além do Mato Grosso.

Tadeu, que é líder do Republicanos na Aleac e presidente da Comissão de Orçamento e Finanças (COF), discursou durante o evento e destacou dois temas importantes: a regularização fundiária, e a geração de emprego, trabalho e renda — dois temas amplamente discutidos no encontro.

“Tive o prazer de falar da importância da nossa Amazônia Legal, nossa riqueza, nosso povo, e de como precisamos estar unidos para proteger e cuidar do que é nosso. Falamos também de regularização fundiária, aspectos legais, da riqueza do nosso estado e do nosso povo”, afirma.

Para Tadeu, encontros como esse são importantes, mas as ações precisam ser colocadas em prática. “É hora de, verdadeiramente, exercer nosso papel na prática, para que possamos despontar para todo o Brasil como exemplo, aliando a preservação e o cuidado com as pessoas. E só conseguimos isso discutindo as políticas de preservação aliada com a preocupação em gerar emprego, trabalho e renda para nosso povo”.

Participam também do encontro os deputados acreanos Michelle Melo (PDT); Marcus Cavalcante (PDT); Gene Diniz (Republicanos); Clodoaldo Rodrigues (Republicanos); Whendy Lima (União Brasil); Gilberto Lira (União Brasil); Afonso Fernandes (PL) e Arlenilson Cunha (PL).

Sobre o Parlamento Amazônico

Esta é a quarta edição da Reunião ampliada do Parlamento Amazônico, realizada na Assembleia Legislativa do Tocantins (Aleto). O encontro acontece no Plenário da Casa, reunindo diversos parlamentares da Região Norte e deputados do estado do Mato Grosso, que também integram o bloco.

Entre as pautas discutidas estão a regularização fundiária, o licenciamento ambiental, exploração mineral, e a geração de emprego e renda, na região amazônica.

O Parlamento Amazônico foi estabelecido pela Declaração da Amazônia, de 1989. A intenção era criar um órgão regional parlamentar que pudesse assegurar a ação conjunta e concertada para a preservação dos direitos da Amazônia e para a promoção do desenvolvimento na região.

Depois de quase dez anos de inatividade, foi retomado no final de 2020 e teve reuniões remotas em 2021. Reúne parlamentares das Assembleias Legislativas que integram a Amazônia Legal: Acre, Amapá, Amazonas, Maranhão, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins, além do Mato Grosso. (Com Unale)

Comentários

Continue lendo

Tudo Viagem

Confira o valor dos novos voos do Acre para Belo Horizonte e Porto Velho

Publicado

em

O dia 4 de outubro é uma das datas mais esperadas pelo consumidores do Acre que precisam viajar de avião e sofrem com os preços altos das passagens aéreas. É nesta data que a Azul iniciará voos no Acre. A companhia fará a ligação sem escala de Rio Branco com Belo Horizonte (Aeroporto de Confins) e Porto Velho.

A companhia Azul lançou uma promoção para marcar a entrada no mercado do Acre. As passagens de Rio Branco para a capital mineira estão sendo vendidas por R$ 884, valor de ida e volta com taxas inclusas. Acesse AQUI essa promoção.

A partir da capital mineira, conhecida como a “capital nacional dos bares”, a Azul tem voos diretos para as principais cidades no Brasil, além de Curaçao, Orlando e Fort Lauderdale, na Flórida.

Garanta aqui descontos especiais na reserva do hotel em Belo Horizonte

Valor das passagens para Porto Velho

A partir de 4 de outubro a Azul terá voos diretos entre Rio Branco e Porto Velho. Atualmente nenhuma  companhia faz a ligação sem escala do Acre com as capitais de Rondônia e de Minas Gerais. As passagens de Rio Branco para Porto Velho estão sendo vendidas por R$ 1257. Todas essas passagens estão com as taxas de embarques inclusas.

Garanta aqui passagens aéreas de Rio Branco para Belo Horizonte por R$ 884 (ida e volta)

Garanta aqui passagens aéreas de Rio Branco para Porto Velho por R$ 1257 (ida e volta)

*Promoção por tempo limitado e sujeita a variação de preços conforme disponibilidade de assentos promocionais

Faça aqui a sua pesquisa e garanta desconto na compra das passagens aéreas para outras cidades

Atenção: O Alto Acre não vende passagens aéreas, pacotes de viagens ou reservas de hotéis. O site apenas divulga as promoções, ficando o leitor livre para escolher a melhor opção.

 

Comentários

Continue lendo

Flash

Nota de pesar pelo falecimento do ex-governador Romildo Magalhães da Silva

Publicado

em

O governo do Estado do Acre manifesta seu mais profundo pesar e condolências aos familiares e amigos e decreta luto oficial de três dias pelo falecimento do ex-governador Romildo Magalhães da Silva, ocorrido na madrugada deste domingo, 14.

O velório acontecerá no Palácio Rio Branco, a partir das 10h deste domingo.

Romildo faleceu em decorrência de complicações de diabetes e deixa uma história de forte influência na política acreana dos últimos 40 anos, que serão levados para toda a vida por seus irmãos, filhos e netos e sua esposa Rosinha Magalhães.

Natural de Feijó, Romildo iniciou sua carreira política como prefeito da cidade, onde atuou por dois mandatos, e depois tornou-se deputado estadual, vice-governador e governador do Estado, pautando sua vida pela simplicidade, cuidado e amor ao próximo.

Que Deus possa  fortalecer os corações de seus familiares e amigos diante de tamanha dor e tristeza, dando-lhes a certeza de que ele agora habita em plenitude de alegria nos braços de Deus.

Gladson de Lima Cameli

Governador do Estado do Acre

Comentários

Continue lendo

Flash

Coronel Marta Renata é a primeira mulher a ser subcomandante-geral da PMAC em 108 anos

Publicado

em

Na manhã deste sábado, 13, o governador Gladson Cameli anunciou que a coronel Marta Renata será a subcomandante-geral da Polícia Militar do Acre (PMAC). A oficial é a primeira mulher a assumir essa posição de alto comando, marcando história na instituição. Sua nomeação destaca não apenas a importância da representatividade feminina, mas também o reconhecimento de mérito e competência, marcando um novo capítulo na trajetória da PMAC.

Dentre as formações da policial estão os cursos de Letras e Direito, concluídos na Universidade Federal do Acre (UFAC). Além disso, possui especialização em Língua Portuguesa e Ensino, também pela UFAC. No âmbito militar, é Especialista em Segurança Pública pela Polícia Militar da Paraíba (2014) e concluiu o Curso Superior de Polícia pela Polícia Militar do Paraná (2023).

Ao longo de sua carreira, a oficial demonstrou notável capacidade de comando e profundo comprometimento com os valores e a missão da instituição. Antes da nova atribuição, a agora subcomandante da PMAC chefiava a Diretoria Operacional, além de já ter contribuído à frente da Assessoria Jurídica e da Assessoria de Comunicação.

A reunião que ocorreu com a presença do comandante-geral, coronel Luciano Dias Fonseca, e do Governador Gladson Cameli, determinou a nova atribuição da militar, que expressou sentimento de gratidão e compromisso. “Muita gratidão a Deus pela vida, à minha família pelo companheirismo, ao governador que me honrou com essa missão e ao coronel Luciano pelo apoio. Esta nomeação representa um desafio profissional imensurável, mas com o apoio daqueles que formam a instituição, exercerei minhas funções com muita dedicação e zelo”, enfatizou a subcomandante da PMAC.

Para o coronel Luciano Dias Fonseca, este é um momento de mérito e reconhecimento. “A nomeação da coronel Marta Renata é um reconhecimento justo e merecido de sua competência. Ela é uma referência dentro da instituição e sua liderança inspirará não apenas outras mulheres, mas todos os policiais militares”, afirmou o comandante-geral da PMAC.

Além disso, o comandante-geral expressou seu agradecimento ao ex-subcomandante. “Gostaria de expressar meu profundo agradecimento ao coronel Emílio por seus anos de serviço dedicado e liderança exemplar. Seu compromisso e suas contribuições foram fundamentais para o fortalecimento e progresso da corporação. Desejo a ele muito sucesso em suas novas funções”, disse.

Comentários

Continue lendo