fbpx
Conecte-se conosco

Geral

VIII EcoFlores realizada com apoio da prefeitura encerra com sucesso total, no Horto Florestal

Publicado

em

8ª edição da EcoFlores foi um sucesso (Foto: Assecom)

A 8ª edição da Feira EcoFlores, realizada no Horto Florestal do dia 28 de junho ao dia 2 de julho, foi um sucesso. O prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, esteve presente no dia de encerramento e conversou com os empreendedores e participantes para saber o que acharam da feira.

Evento foi mais uma opção de lazer para os rio-branquenses (Foto: Assecom)

Nesta edição, a Prefeitura de Rio Branco foi uma grande parceria proporcionando o espaço, as barracas para os empreendedores exporem seus trabalhos e dando auxílio na logística do evento.

Além disso, havia um espaço da Secretaria Municipal de Educação (Seme) com atividades recreativas para as crianças. A Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (SASDH) também marcou presença com a distribuição de panfletos informativos.

Segundo os empreendedores que participaram desta edição, a expectativa para as vendas estava alta e devido a grande quantidade de visitantes, a meta foi alcançada.

“As vendas foram ótimas, a prefeitura deu 100% de suporte, as bancas estão lindas e movimentação está sendo ótima, vendemos bem e tudo está ótimo, muita gente comprando, passeando e com muitas variedades de flores”, disse o empreendedor, Jociclei Oliveira.

Expectativa para vendas era alta e meta foi alcançada (Foto: Assecom)

“Muito bom, até superou a expectativa, organização, barracas, modernidade… O público atendeu ao chamado. Então para gente que vive de pequeno empreendimento, está maravilhoso, que venham mais”, disse a empreendedora, Silvia Araújo.

“Primeiro, quero agradecer a prefeitura por disponibilizar essa grandiosidade de estrutura. Eu venho do nordeste, tem dois anos que estamos aqui e lá aprendemos ser uma troca da prefeitura com os expositores para que as pessoas tenham essa oportunidade de expor os seus produtos”, declarou a empresária Liliane Dobes.

Mas a feira não só foi boa para os empreendedores como também para os clientes que falaram sobre a importância de proporcionar mais uma opção de lazer para os rio-branquenses e, ao mesmo tempo, fomentar a economia local da cidade.

Teve espaço de atividades recreativas para as crianças (Foto: Assecom)

“Quando a gente vem, compramos produtos de pessoas que têm uma ligação muito íntima e uma história com aquilo que estão vendendo. E a economia solidária é isso, encontrar caminhos de gerar renda a partir de uma relação muito bonita com o trabalho”, enfatizou a servidora pública, Amanda Schoenmaker.

“Estou achando a feira bem diversa, minha mãe adorou e veio três dias seguidos, ela aproveitou tudo, comprou, caminhou, comeu… Enfim, a feira está muito boa”, declarou a estudante, Andressa Fontes.

De acordo com Carlos Omar, um dos organizadores da feira, o apoio da municipalidade nesta edição fez toda a diferença. Ele ressaltou que já conversou com o prefeito que garantiu o apoio para a edição de 2024 e deixou um desafio, de em 2025 realizarem duas edições da EcoFlores.

Tião Bocalom: “Nosso compromisso é fomentar a economia local, criar oportunidades e apoiar o trabalhador” (Foto: Assecom)

“A Prefeitura de Rio Branco apoiando e incentivando o nosso trabalho é muito bom, superamos todas as expectativas… Enfim, todos os momentos a gente agradece”, disse.

O prefeito Tião Bocalom, fez questão de prestigiar a entrega de certificado dos empreendedores e garantiu que esse é o compromisso da gestão: fomentar a economia local, criar as oportunidades e apoiar o trabalhador autônomo cada vez mais.

“Vim prestigiar o evento e conversando com cada uma das pessoas que tem o seu empreendimento, todos elogiando o apoio da prefeitura e dizendo que foi ótimo… Isso me deixa feliz porque mostra o compromisso da nossa gestão em gerar emprego e renda. O que eu sempre falei que o produzir para empregar precisa acontecer na prática e graças a Deus que nossa equipe está de cabeça fazendo acontecer”, destacou.

Comentários

Geral

Fornecedor de armas de fogo para facção criminosa é preso pela Polícia Civil do Acre

Publicado

em

A Polícia Civil do Acre (PCAC), por meio da Delegacia Geral de Rodrigues Alves, conduziu na manhã da última terça-feira, 20, uma operação que resultou no cumprimento de três mandados de busca e apreensão relacionados a crimes de tráfico de drogas e comercialização ilegal de armas de fogo.

Durante a operação, foi efetuada a prisão de um indivíduo conhecido no mundo do crime como “Buda”, suspeito de fornecer armas para a facção criminosa atuante na região. Além disso, objetos suspeitos de serem provenientes de crimes foram apreendidos e serão analisados pela Polícia Civil.

O Delegado responsável pela delegacia de Rodrigues Alves, Dr. Marcilio Laurentino destacou que as investigações continuam e novas prisões e buscas podem ocorrer na cidade. “Nossa equipe permanecerá trabalhando de forma incisiva para combater o tráfico de drogas e a criminalidade na comunidade, garantimos que prisões como essa serão recorrentes, visando assegurar a ordem e a paz na região,” enfatizou Laurentino.

A ação reforça o comprometimento da Polícia Civil do Acre em enfrentar ao crime organizado, contribuindo para a segurança da comunidade e para a desarticulação de grupos criminosos que atuam na região.

Comentários

Continue lendo

Geral

Bocalom irá a ato bolsonarista em SP e ressalta que comprou passagem com o próprio dinheiro

Publicado

em

Por

Manifestação está marcada para este domingo, 25, na Avenida Paulista.

Por Leandro Chaves

O prefeito de Rio Branco Tião Bocalom (PP) confirmou, por meio de sua assessoria, que estará na manifestação convocada pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) para este domingo, 25, em São Paulo.

Alegando defender valores cristãos, o pré-candidato à reeleição fez questão de ressaltar que comprou as passagens com seu próprio dinheiro. “Não dá mais pra continuar com essa turma que o tempo todo quer pisotear os princípios cristãos”, disse, referindo-se à esquerda.

Diferente de Bocalom, o governador do Acre, Gladson Cameli, do mesmo partido, não deverá comparecer ao evento. Ele, que também já se declarou bolsonarista, tem uma viagem oficial para o exterior no início de março que irá preencher sua agenda para o período.

Bolsonaro convocou apoiadores de todo o Brasil para o ato na Avenida Paulista em protesto contra o avanço das investigações e dos inquéritos que apuram sua responsabilidade, além de outros investigados, pelo atos antidemocráticos e golpistas ocorridos em 8 de janeiro de 2023.

Na ocasião, bolsonaristas de várias partes do Brasil invadiram os prédios dos três poderes e os depredaram. A intenção, segundo as investigações, era criar um ambiente de instabilidade para que as Forças Armadas agissem.

O caso aconteceu uma semana após o presidente Lula (PT) tomar posse, depois de sua vitória nas urnas em eleições comprovadamente limpas, segundo observadores internacionais e locais, entre elas as próprias Forças Armadas.

Comentários

Continue lendo

Geral

Polícia Civil do Acre efetua prisão de agressor por descumprimento de medidas protetivas

Publicado

em

Na última segunda-feira, 19, a Polícia Civil do Acre (PCAC), por meio da equipe plantonista da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM), realizou a prisão de E. W. S. I, de 24 anos, em cumprimento a um mandado expedido pela Vara de Plantão. O indivíduo foi detido devido ao reiterado descumprimento das medidas protetivas de urgência contra sua própria avó, evidenciando total desrespeito às determinações judiciais e ao compromisso no combate à violência doméstica e familiar contra a mulher.

O cumprimento de mandados de prisão de agressores pelos policiais da DEAM e a lavratura de autos de prisão em flagrante pelos Delegados Plantonistas, realizados diariamente pela Especializada que opera 24 horas, corroboram o compromisso da Polícia Civil na luta contra a violência doméstica.

“O descumprimento das medidas protetivas é inaceitável, e a prisão do acusado demonstra que não será tolerado tal comportamento. Estamos comprometidos em garantir a segurança e o bem-estar das vítimas”, informou a delegada plantonista da DEAM e responsável pelo caso, Dra. Mariana Gomes.

A ação da Polícia Civil do Acre reforça a importância de uma abordagem rigorosa na repressão à violência doméstica e familiar contra a mulher, destacando a necessidade de conscientização e educação sobre a gravidade desse tipo de crime. O Poder Judiciário e as autoridades competentes estão unidos na missão de proteger as vítimas e responsabilizar aqueles que desrespeitam as medidas protetivas.

Comentários

Continue lendo






Em alta