O tiro percorreu toda a coxa passando pelo fêmur até o joelho do vigilante.

ITHAMAR SOUZA

Um vigilante de 27 anos foi ferido por um disparo acidental de arma de fogo dentro do Instituto de Traumatologia e Ortopedia (Into), próximo ao Lago do Amor, em Rio Branco.

O profissional relatou que estava manuseando a própria arma de fogo, mas quando foi guardar a arma no coldre, foi atingido por um disparo acidental. O tiro percorreu toda a coxa passando pelo fêmur até o joelho do vigilante.

Os funcionários do Into prestaram socorro a vítima e fizeram um curativo. Em seguida, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e encaminhou o profissional ao pronto-socorro de Rio Branco, em estado estável.

Um boletim de ocorrência será registrado na Delegacia de Flagrantes (Defla), para apurar a situação, por conta do local onde ocorreu o caso.

Comentários