Superintendente do Incra no Acre, Eduardo Ribeiro (dir), esteve presente para a entrega dos títulos.

ASSESSORIA

O superintendente do Incra no Acre, Eduardo Ribeiro e a equipe de servidores das áreas de Desenvolvimento e Titulação do órgão estiveram reunidos na manhã desta quarta-feira, 20, no Projeto de Assentamento Petrolina para entregar mais 43 títulos definitivos de propriedade de terras. Na ocasião, Eduardo Ribeiro destacou a importância da entrega dos documentos para os assentados e aproveitou a oportunidade para agradecer aos servidores pelo esforço e dedicação com que tem trabalhado para atingir o maior número possível de entrega dos documentos.

“Mais do que a entrega de um documento, o Incra hoje cumpre com seu papel social garantindo aos assentados do Petrolina o direito à propriedade das suas terras. Garantindo ainda ao trabalhador rural acessar programas sociais do governo Federal. Mas isso não seria possível se não fosse o empenho de cada um dos servidores do Incra, a soma de esforços, dedicação, o amor e o comprometimento que cada um de nossos servidores tem com o homem do campo. Muito obrigado a todos vocês”, agradeceu Eduardo Ribeiro.

Muitos dos beneficiados, que aguardavam a pelo menos 30 anos pelo recebimento do título definitivo, agradeceram ao Incra pela entrega do documento, como foi o caso dos agricultores Milton Martins, José Fortunato Pinheiro e Raimundo Martins da Silva, esse último com mais de 38 anos morando na localidade, antes mesmo de ser transformada em Projeto de Assentamento.

Com 76 anos de idade, destes 32 morando no projeto Petrolina, o trabalhador rural Milton Martins confidenciou que já não acreditava mais que receberia o título de sua terra. Pai de cinco filhos, Milton Martins comemorou o recebimento do documento e agradeceu aos servidores da autarquia.

“Pra falar a verdade eu nem acreditava mais que receberia meu título, pensei que morreria sem ter a garantia de propriedade da minha terra, mas hoje eu posso comemorar e ter a certeza que sou dono da minha colônia de fato e de direito. Só tenho a agradecer ao superintendente Eduardo e a todos do Incra”, disse Milton Martins.

Conhecido por ser o animador da comunidade, Raimundo Martins da Silva, 78 anos, é um dos moradores mais antigos do assentamento, quando chegou em meados de dezembro de 1978. Raimundo Martins, o sanfoneiro do Petrolina, é pai de cinco filhos, quatro homens e uma mulher, dois deles nascidos no Projeto de Assentamento.

O trabalhador rural comemorou o recebimento do Título Definitivo afirmando que “vou dormir mais tranquilo”.

“Agora com meu título na mão tenho a certeza que a terra é minha e isso me deixa muito feliz. Com certeza agora eu vou dormir mais tranquilo”, comentou.

A entrega de títulos faz parte da programação de ações que o Incra no Acre planejou para 2017. Em menos de um ano, na gestão de Eduardo Ribeiro, foram entregues mais de 800 Títulos Definitivos, sendo que nos próximos meses, pelo menos outros 500 títulos estarão prontos para a entrega em todo o Estado.

Comentários