Ação do policial e seus colegas foram cruciais para salvar a vida da bebê.
Alexandre Lima

O lema “Servir e Proteger” escrito no 10º Batalhão da Polícia Militar localizado na cidade de Brasiléia, foi posto à prova na tarde desta quinta-feira, dia 12, quando uma guarnição foi acionada para uma ocorrência no Bairro Leonardo Barbosa, na rua dos Catraieiros.

Segundo foi levantado, o 2º Sargento Jackson, que está na Corporação a quase 30 anos, fazia parte da guarnição que realizava ronda próximo ao Bairro, foram atender o caso. Lá, encontraram uma mãe e em desespero pelo fato de sua filha ter caído dentro de um baldo com água e teria se afogado.

De imediato, o Sargento que é acadêmico de medicina, iniciou os procedimentos de animação e massagem na tentativa de fazer com que o líquido fosse expelido, e assim o fez até a criança chorar.

Com ajuda de seus colegas, conseguiram chegar rápido ao hospital de Brasiléia, onde foi realizado todos os procedimentos para cuidar da criança. A menina de aproximadamente um ano de idade, foi salva e ficou em observação no hospital de Brasiléia para depois ser entregue à sua mãe.

O sargento agradeceu a Deus e o apoio que recebeu dos colegas da guarnição, além de saber que pôde cumprir com seu trabalho protegendo e salvando vidas.

Comentários