Mulher de 42 anos foi presa por extorsão. Ela é suspeita de cometer outros crimes contra motoristas de aplicativos — Foto: Reprodução/RBS TV
Por Alcinete Gadelha

Uma mulher de 42 anos foi presa na terça-feira (24), no bairro Floresta Sul, em Rio Branco, durante cumprimento de mandado de prisão. Ele é acusada de praticar crimes de extorsão.

A prisão foi efetuada pelo Núcleo de Capturas da Polícia Civil do Acre (Necap), que cumpria mandado por ela já ser condenada pelo crime de extorsão. Ela usava informações que obtinha sobre as vítimas e ameaçava publicar na internet, segundo informou a polícia.

Além desta acusação, a mulher também é conhecida pela polícia pelo registro de várias ocorrências contra ela como o de aplicar golpes em motoristas de aplicativo e realizar outros delitos como furtos em lojas.

Após efetuar a prisão, a polícia acionou o conselho tutelar, já que havia menores envolvidos. A mulher é suspeita de aliciar pelo menos duas sobrinhas, e uma filha, todas adolescentes com idades entre 15 e 17 anos. As meninas ajudavam ela nos golpes, segundo a polícia.

Os golpes praticados aos motoristas de aplicativo ocorriam quando alguma delas fazia corrida, ao chegar no endereço, a pessoa pedia o telefone do motorista emprestado para ligar para a mãe que é quem estava com o dinheiro para fazer a corrida. Depois de pegar o telefone do motorista, a pessoa descia do carro como se fosse pegar o dinheiro, e desaparecia levando o celular da vítima.

Comentários