gonzagal101115-660x330

O deputado estadual Luiz Gonzaga (PSDB) protocolou três requerimentos junto à Mesa Diretora da Aleac na manhã desta quarta-feira (3), solicitando ao Departamento Estadual de Pavimentação e Saneamento (DEPASA), os documentos sobre a execução das obras do Programa Ruas do Povo em todas as cidades que receberam os serviços no período de 2011 a outubro de 2015.

O tucano pede cópia da licença das prefeituras para execução das obras, termos de recebimento das obras pelas prefeituras; cópia dos projetos de drenagem; cópia do relatório final sobre a auditoria detalhada na execução do programa; laudo do estudo técnico do solo; qual a empresa responsável pela elaboração do programa, cópia de contrato da empresa responsável pela elaboração do projeto.

Luiz Gonzaga quer saber ainda quais as garantias contratuais para execução das obras, nomes dos responsáveis pelo gerenciamento do programa e qual a fonte de recursos, programa de trabalho, projetos, atividades para fazer jus às despesas com a obra. Gonzaga enfatiza que caso seja detectada alguma irregularidade, ele vai propor uma CPI para investigar o programa.

“O próprio governador disse que gastou cerca de R$ 1 bilhão para fazer estas ruas que estão derretendo. Eu fotografei todas as ruas e placas das obras que deixam claro que são recursos de empréstimos que o Acre vai ter que pagar. Se é o povo acreano que vai pagar pelas ruas, porque pelo menos elas não foram bem feitas? Por que as empresas não estão sendo responsabilizadas”, questiona.

Segundo Luiz Gonzaga, “o povo vai pagar por algo que não existe, já que as ruas estão se acabando. Como foi dito pelo próprio governador, as ruas não aguentam que um caminhão de lixo passe. Como é que investem num projeto sem qualidade que não suporta um sereno? Precisamos investigar que ganhou com estas obras que consumiram uma verdadeira fortuna”, finaliza o deputado.

Fonte: AC24horas

Comentários