Hospital de Brasiléia Wildy Viana – Foto: Alexandre Lima/arquivo

Desde a manhã desta quinta-feira, dia 29, os funcionários da empresa terceirizada Limpacre que fazem a limpeza do hospital regional Wildy Viana, localizado na cidade de Brasiléia, cruzaram os braços.

O motivo, é o atraso mais uma vez, do pagamento por parte da Secretaria de Saúde do Estado do Acre – Sesacre, que vem com esse problema a muito tempo, ao ponto de chegar a quase três meses sem o pagamento, além da falta do 13º salario de 2018 que foi pago no mês passado.

Os serviços de limpeza estão reduzidos para 30%, ficando apenas o essencial. Segundo foi informado, os pagamentos deveriam ter sido efetuados desde o início da semana, já que os documentos foram entregues na Sesacre em tempo hábil.

Se junta a esse problema, as unidades de saúde do Alto Acre também cruzaram os braços pela falta do pagamento, e pode estar acontecendo em todo o estado do Acre. A direção do hospital Wildy Viana não é ordenadora de despesa, ficando a responsabilidade do pagamento pela Sesacre.

Comentários