Vereador do (PP), deve deixar a sigla após as eleições

Vereador Joelso Pontes (PP) foi anunicado como pré-candidato à prefeitura de Brasileia – Foto: Alexandre Lima
Com Notícias da Hora

O vereador Joelso Pontes falou acerca da decisão do Progressistas de Brasileia em apoiar Fernanda Hassem (PT) e não Leila Galvão (MDB).

Ele destacou que este não era o entendimento do Partido antes das convenções, mas houve uma manobra da presidência local, contra a vontade dele, e o apoio foi dado à Fernanda Hassem. Pontes destaca que não será candidato à reeleição, mas que apoiará Leila Galvão.

“Nós tomamos a decisão de ficar [no Progressistas] por toda uma caminhada. Eu faço política porque gosto e tomei a decisão de não ser candidato. Talvez a chapa do Progressistas hoje me daria até uma eleição mais confortável. Não tenho projeto pessoal. Lamentavelmente também, lá em cima, o nosso partido mudou de opinião. O nosso partido comandado pela respeitável senadora Mailza Gomes também deixava lá atrás que nós não caminharíamos com a Fernanda Hassem. A Leila desde o início tinha só um vice, ela [Hassem] que derrubou sete”, destaca.

Ao alfinetar a condução do Progressistas em Brasileia, Joelso Pontes disse que “o Progressistas de Brasileia sofreu uma intervenção branca. Essas pessoas que mudaram de opinião: por que mudaram de opinião? A população de Brasileia sabe. Na minha fala na convenção, eu disse que até o dia 15 de novembro muitas coisas iriam vir à luz. Eu continuo falando a mesma coisa. Às vezes nem todo resultado democrático de urna é um resultado inteligente, correto”.

Comentários