Ponte Wilson Pinheiro ainda se encontra bloqueada – Foto: Alexandre Lima

Mesmo após o presidente da Bolívia, Evo Morales, ter renunciado do cargo em rede nacional, as pontes que ligam o Brasil pelo Acre, através das cidades Brasiléia e Epitaciolândia, ainda continuam bloqueadas.

Mas, segundo os manifestantes, somente o pronunciamento oficial de que será realizado uma nova eleição e com todas as garantias, as pontes serão liberadas. “Estamos aguardando a indicação de que teremos uma eleição limpa e transparente, para que possamos liberar o tráfego de veículos nas duas passagens. Também estamos aqui para garantir que os envolvidos nessa fraude eleitoral possam fugir do País”, disse um dos integrantes do movimento.

ponte poderão ser liberadas nas próximas 48 horas – Foto: Alexandre Lima

A expectativa para a liberação está sendo aguardada por muitos, principalmente os comerciantes das três cidades (Cobija, Brasileia e Epitaciolândia), que estão registrando prejuízos com a falta de compradores de seus produtos em ambas as cidades.

“Acreditamos que em dois dias poderemos estar em nossas casas. Tão logo seja anunciado os trabalhos de transição em nosso país, as pontes serão desbloqueadas”, disse outro integrante na ponte Wilson Pinheiro, que liga Brasiléia à capital de Pando, Cobija.

Comentários