Candidato Marcos Alexandre tem maior índice de rejeição, segundo Ibope.

A pesquisa divulgada pelo IBOPE no início da noite em rede nacional, mostrou que os candidatos mais colocados na corrida eleitoral, seria entre os candidatos Marcos Alexandre (PT) e o Progressista Gladson Cameli, empatados tecnicamente com 37% na intenção de votos, indicando um possível segundo turno.

Diferente da pesquisa divulgada no início de agosto pela Delta, onde dava uma diferença de 12,53% de Gladson em relação ao petista Marcos, animou os militantes do PT que não perderam tempo em divulgar em todos os meios.

Mas, se por um lado pode ser bom, por outro mostra muito pior. No item rejeição, Gladson Cameli fica em penúltimo com 23% empatado com David Hall, do Avante. Coronel Ulisses desponta como o menos rejeitado com 22%.

Marcos Alexandre amarga o primeiro lugar com a candidata Janaína Furtado (Rede), ambos com 28% de rejeição, onde os entrevistados, segundo o Ibope; o eleitor deve dizer em qual dos candidatos não votaria de jeito nenhum.

O peso do atual governo se pode dizer que influenciou. A avaliação chegou a 40% no quesito Ruim/Péssimo. Veja abaixo:

Ótimo/bom: 23%

Regular: 35%

Ruim/péssimo: 40%

Não sabem avaliar: 3%

Matéria relacionada:

Pesquisa do IBOPE aponta empate técnico entre Gladson Cameli e Marcos Alexandre

Comentários