Conecte-se conosco





Geral

Lote chega ao Acre com mais de 20,9 mil doses das vacinas AstraZeneca e Pfizer para imunizar população contra Covid

Publicado

em

Acre recebeu mais de 20 mil doses de vacina contra a Covid-19 nesta segunda-feira (3) — Foto: Júnior Aguiar/Secom

Por Aline Nascimento

As doses precisam estar em -20°C por 14 dias e entre 2 e 8°C por 5 dias, devendo ser utilizada em um curto período de tempo.

O imunizante é aplicado em duas doses, com intervalo de 21 dias entre a primeira e a segunda.

A coordenação do Programa Nacional de Imunização do Acre (PNI) informou que a remessa vai ser utilizada para imunizar pessoas de 55 a 59 anos com comorbidades, gestantes e puérpueras acima de 18 anos com doenças preexistentes e deficiência permanente cadastradas no Benefício de Prestação Continuada (BPC) e pacientes renais que fazem hemodiálise.

“A priori, o Ministério da Saúde disse que o lote da Pfizer não chegaria hoje, mas, graças a Deus, deu tempo de embarcar”, confirmou a coordenadora do PNI, Renata Quiles.

No sábado (1º), chegou ao estado acreano o 16º lote de vacinas com 1,4 mil doses da vacina Coronavac, do Instituto Butantan.

Segunda dose:

  • CoronaVac

O intervalo ideal é de 28 dias entre as doses da CoronaVac. Um estudo do Butantan mostrou que a eficácia da vacina foi de 62% com intervalo de 21 a 28 dias, contra 50% com intervalo de até 21 dias.

  • AstraZeneca

Já estudos clínicos da Oxford/AstraZeneca apontaram uma eficácia de 82,4% com a segunda dose, em um intervalo de três meses após a primeira dose.

  • Pfizer

O imunizante é aplicado em duas doses, com intervalo de 21 dias entre a primeira e a segunda.

Primeiro lote da Pfizer chegou ao Acre na tarde desta segunda-feira (3) — Foto: Júnior Aguiar/Secom

Vacinação no Acre

De acordo com informações do portal de transparência do governo, o Acre recebeu 199.390 doses de vacinas e foram aplicadas 126.565 até essa segunda-feira (3), data da última atualização, sendo 94.597 da primeira dose e 31.968 da segunda. Rio Branco aplicou 56.744 doses e Cruzeiro do Sul 13.839.

Segundo o governo, o número de doses aplicadas que consta no portal refere-se aos dados já inseridos no sistema do Ministério da Saúde, cujas atualizações são realizadas pelos municípios. Por isso, pode haver atraso nas informações.

Comentários

Em alta