vagabundoNa manhã desta terça-feira (21) se apresentou á polícia do município de Capixaba, Ronaldo da Silva e Silva, que assumiu ter sido responsável pelo homicídio do 2º Sargento da Polícia Militar do estado do Acre, Wilson de Oliveira Assis, morto com mais de vinte facadas na madrugada desta ultima segunda-feira (20).

De acordo com informações policiais Wilson de Oliveira, chegou nas primeiras horas da manhã a delegacia do município acompanhado de advogado e familiares. Ele tem 32 anos de idade e era conhecido da vitima.

Incialmente, Wilson afirmou que o fator principal para o bárbaro crime foi um desentendimento entre ele e o sargento enquanto estavam em um bar ainda na noite de domingo (19).

Wilson foi levado ao delegado de plantão onde prestará esclarecimentos e ficará à disposição da justiça para as devidas medidas legais. Veja mais:

BÁRBARO – Sargento da PM é morto a facadas em sua residência

Fonte: acreaovivo.com

Comentários