Pleiteantes entre 18 e 24 anos são apenas 5,31% do total; em 2016 eles eram 6,01%

Todas as candidaturas jovens são para vereador, com exceção de uma de Acrelândia para a vice-prefeitura – Foto: ilustração internet
LEANDRO CHAVES

A proporção de candidaturas jovens nas Eleições Municipais deste ano no Acre é menor que a de 2016, informou o Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Em 2020, candidatos entre 18 e 24 anos somam 161 e representam 5,31% do total. Há quatro anos, embora o quantitativo de jovens tenha sido menor, eles representaram pouco mais de 6% do universo de candidaturas locais.

Neste ano, a maioria deles está distribuída na faixa etária de 21 a 24 anos (117 nomes). Candidatos com 20 anos somam 20, com 19 são 13 e com 18 são 11.

Todas as candidaturas jovens são para vereador, com exceção de uma de Acrelândia para a vice-prefeitura.

Comentários