Insatisfeito com a postura de parte do MDB contra seu governo, Gladson Cameli não descarta exonerar algumas figuras do partido que ocupam cargos no governo.

Luciano Tavares – Blog da Hora

Governador Gladson Cameli, vai aproveitar sua agenda em Brasília para conversar com os parlamentares que em tese apoiam seu governo e perguntar quem de fato quer permanecer na base. Será uma ultimato. A paciência do governador com quem insiste em servir a dois senhores acabou, informam fontes do Palácio Rio Branco.

O governador também quer separar ovelhas de bodes na Assembleia Legislativa. Ele pretende reunir sua base no Estado assim que retornar de Brasília e perguntar quem está disposto descer do muro para virar governo.

Apesar de o ultimato do governador ter como alvo principal o MDB, outros partidos devem entrar no chicote do governador.

_____________________

O MDB tem um tamanho considerável no governo. Possui secretários, secretários adjuntos, diretores e chefes de departamentos diversos.

_____________________

As eventuais exonerações não devem, porém, atingir Maria Alice, secretária de Planejamento, e Eliane Sinhasique, fieis ao atual governo.

Comentários