Foi apresentado na manhã desta sexta-feira (20), a prisão de Francisco de Assis Meneses Rodrigues, vulgo sombra, suspeito de matar a estudante do Ifac, Emanuela da Silva Souza, de 33 anos, em um assalto ocorrido em meados do mês de Abril no Conjunto Procon.

A prisão foi realizada pela Delegacia de Combate à Roubos e Extorsões (DCORE), e de acordo com o delegado Sérgio Lopes, ele foi reconhecido por testemunhas como o cidadão que estava com a moto da vítima e foi visto caindo por duas vezes na tentativa de fuga, antes de abandoná-la. O comparsa ainda está sendo investigado e ele já estava no presidio quando o delegado conseguiu provas suficientes de que ele era o responsável pela morte da estudante.

“Ele foi preso há cerca de 60 dias atrás suspeito pelo crime de roubo e já estava no presídio. Nós ouvimos testemunhas e conseguimos materialidade para indicá-lo pelo crime de Emanuela. Ele foi visto com a moto da vítima caindo duas vezes e as testemunhas o reconheceram. O comparsa que estava em outra moto ainda está sendo investigado”, informou Sérgio Lopes

Comentários