Conecte-se conosco

Acre

Secretárias de Educação são notificadas pelo MP a cobrar passaporte da vacinação na hora da matrícula dos alunosdual

Publicado

em

César Negreiros

As secretarias de Educação (municipal e estadual) foram notificadas pelo Ministério Público Estadual do Acre (MPAC) da obrigatoriedade dos diretores das escolas da rede públicas de exigirem a apresentação do passaporte da vacinação contra a covid-2 das crianças e adolescentes na hora da matrícula ou rematrícula nas escolas do ensino fundamental ou médio. Acre conta com 144 474 alunos matriculados na rede pública, sendo 89 374 no Ensino Fundamental, 37 468 no Médio, 16 215 no EJA (Educação de Jovens e Adultos) e 1 141 no Ensino Profissional.

No ofício, assinado pelos pro-motores de justiça Glaucio Oshiro e Vanessa Muniz, manifesta preo-cupação com o agravamento da pandemia e o risco de propagação da nova variante Ômicron nos estabelecimentos de ensino pelos alunos não vacinados com o imunizante anticovid. Recomenda a obrigatoriedade da cobrança da vacinação, com base no artigo 14, parágrafo 1º, do Estatuto da Crian-ça e do Adolescente (ECA); art. 227, caput, da Constituição Federal; e na Lei nº 8.069/90, em seu art. 4º, caput, amparado na nota técnica emitida pelo Conselho Nacional dos Procuradores-Gerais de Justiça (CNPG) da vacinação das crianças na faixa etária dos 5 a 11 anos.

A secretária estadual de Edu-cação Socorro Neri, espera que os alunos matriculados na rede estadual já estejam vacinados, pois o retorno do ano letivo presencial está previsto para o dia 4 de abril. A gestora em entrevista concedi-da a imprensa local, admitiu que é uma decisão dos pais de vacinar os filhos, mas que a pasta vem buscando sensibilizalos da importância da imunização.

As aulas nas escolas privadas devem começar nessa segunda-feira (dia 7), mas não devem ser exigido o passaporte de vacinação. A diretoria do Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino Privado do Acre SINEPE/ AC) devem aguardar a orientação da Secretaria Estadual de Educação, Cultura e Esportes do Acre (SEE) para cobrar a apresentação do documento de imunização dos alunos e dos pais de alunos, com base no parecer na nota técnica expedida pelo Conselho Nacional dos Procuradores Gerais de Justiça (CNPG) da obrigatoriedade da vacinação das crianças.

A secretária municipal de Edu-cação de Rio Branco (Seme) Na-byra Bestene, informou que ainda, não foi notificada pelo Ministério Público Estadual. O último balanço da coordenação estadual do Programa Nacional de Imuni-zação (PNI) apontou que apenas 13,55% das crianças foram imunizadas no estado. A capital vacinou apenas 5.718 crianças, mas a meta é vacinar 45 mil crianças na faixa etária dos 5 aos 11 anos de idade, no estado é estimado em torno de 120 mil crianças.

O documento ressalta que é dever dos pais ou responsáveis de cumprir o direito à vacinação das crianças, sob pena de responsabilização na forma prevista no ECA, a violação desse direito pode ensejar a intervenção de todo o Sistema de Garantia de Direitos para o alcance da imunização pretendida pelas autoridades da área de saúde. O documento encerra ainda, determinando que as escolas devem exigir, no ato de matrícula e rematrícula, a carteira de vacinação completa, mas no caso de de não apresentação do passaporte de vacinação, os gestores das escolas devem notificar os órgãos competentes para tomar as devidas providência.

Comentários


Acre

Boletim da Sesacre registra 39 novos casos de Covid-19

Publicado

em

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), por meio do Departamento de Vigilância em Saúde (DVS), informa que foram registrados 39 novos casos de coronavírus neste domingo, 4 de dezembro. O número de infectados notificados é de 154.710 em todo o estado.

Até o momento, o Acre registra 361.546 notificações de contaminação pela doença, sendo que 206.826 casos foram descartados e 10 exames de RT-PCR aguardam análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen). Pelo menos 150.393 pessoas já receberam alta médica da doença.

Os dados da vacinação contra a covid-19 no Acre podem ser acessados no Painel de Monitoramento da Vacinação, disponível no endereço eletrônico: http://covid19.ac.gov.br/vacina/inicio. As informações são atualizadas na plataforma do Ministério da Saúde (MS) e estão sujeitas a alterações constantes, em razão das informações inseridas a partir de cada município.

Nenhum óbito foi notificado neste domingo, 4, fazendo com que o número oficial de mortes por covid-19 permaneça em 2.032 em todo o estado.

Sobre os casos de covid-19 no estado, acesse:

BOLETIM_AC_COVID_04_12__2022

Sobre a ocupação de leitos no estado, acesse:
http://covid19.ac.gov.br/monitoramento/leitos

Comentários


Continue lendo

Acre

Mãe e filho se formam juntos em Enfermagem no Acre: “Realização de um sonho”

Publicado

em

O recém-enfermeiro explica como foram os 4 anos de faculdade que tornaram a mãe, uma colega de profissão
POR MATHEUS MELLO

Uma das grandes conquistas de uma pessoa na vida é sem sombras de dúvidas o diploma em uma gradução. Mateus Lima e sua mãe, Mauriete Lima realizaram esse sonho juntos e colaram grau na faculdade de Enfermagem, na última quinta-feira (30), em Rio Branco.

Ao ContilNet, o recém-enfermeiro explica como foram os 4 anos de faculdade que tornaram a mãe, uma colega de profissão.

“Fiz medicina durante quatro anos na Bolívia, de 2012 a 2016, mas infelizmente não tive condições de continuar, devido ao dólar que aumentou bastante, e aí voltei para o Brasil. E minha mãe teve a ideia de fazer enfermagem. Entramos na faculdade e passamos por todas as etapas juntos, estágio juntos, TCC e formamos juntos”, disse.

Mauriete é técnica de enfermagem e trabalha na saúde do Acre há 28 anos. O filho explica que sempre viu na mãe uma inspiração na vida pessoal e profissional.

“Por ela ser da área da saúde eu sempre via ela como minha inspiração, eu decidi trabalhar como ela, trabalhar bastante com algo que ama. É a realização de um sonho, poder trabalhar um dia junto com ela no mesmo lugar”, declara.

Os dois fazem parte da primeira turma do curso de Enfermagem, da UNIP, e iniciaram o curso em 2018.

Comentários


Continue lendo

Acre

Indígena é atingido por disparos de arma de fogo e vai a óbito em Sena Madureira

Publicado

em

Um novo confronto entre pessoas ligadas à facções rivais, registrado na manhã deste domingo (4), deixou mais um saldo negativo em Sena Madureira.

Informações preliminares apontam que um indígena identificado pelo nome de Fábio Alfredo Jaminawa, foi atingido por pelo menos três disparos de arma de fogo, sendo que um dos projéteis acertou a perna, e outros dois atingiram o quadril da vítima.

No momento do episódio, Fábio trafegava de bicicleta pela rua Maranhão, quando foi surpreendido por dois criminosos que estavam em uma motocicleta.

Após os disparos, os autores tomaram rumo ignorado, e a vítima, foi levada para o Pronto Socorro do Hospital João Câncio Fernandes, para receber atendimento médico, mas não resistiu a gravidade dos ferimentos e foi a óbito.

Tão logo tomou conhecimento do ocorrido, a PM foi ao local e constatou que uma pessoa teria ficado gravimente ferida, e em seguida, iniciou os trabalhos com o intuito de prender os responsáveis pelo cometimento do crime.

Por Josué da Silva.

Comentários


Continue lendo

Em alta