fbpx
Conecte-se conosco

Acre

Prefeito de Brasiléia garante que iluminação pública será levada ao bairro Marcos Galvão II

Publicado

em

O prefeito Everaldo Gomes quando era vereador fez vários requerimentos pedindo a energia e a rede de água e esgoto para a comunidade

WILIANDRO DERZE, assessoria da PMB

DSC_1083

Atendendo ao convite dos moradores do bairro Marcos Galvão II, o prefeito de Brasiléia Everaldo Gomes acompanhado do presidente da Câmara de Vereadores, Mario Jorge e dos demais vereadores Marilvaldo Oliveira e Joelso Pontes se reuniram com a comunidade nessa quarta-feira, 24, para debater ações quanto a iluminação pública e projeto para uma área de lazer.

A reunião aconteceu na casa do seu Erocidio Vasconcelos, conhecido como seu Cidio e contou com a participação de várias pessoas e lideres do bairro, que fizeram as reivindicações ao prefeito e vereadores.

O prefeito Everaldo Gomes quando era vereador fez vários requerimentos pedindo a energia e a rede de água e esgoto para a comunidade, assim como a pavimentação das ruas. Na ocasião o prefeito disse que tudo que o município tiver condições de fazer pela comunidade será feito.

“Aqui sabemos que a iluminação pública é relativamente fácil de resolver, vamos fazer o levantamento de quantos postes existes e começar a colocar a iluminação o mais rápido possível. Podem ficar tranquilos que no mês de maio esse bairro já será contemplado”, afirmou o prefeito.

A respeito das reivindicações dos moradores pela construção de uma área para fazer uma praça ou quadra esportiva. O prefeito disse que não existe verba para essa finalidade mais dentro de um planejamento será organizado um projeto para a aquisição de emendas parlamentares e a comunidade ser contemplada com a benfeitoria.

O vereador Marivaldo Oliveira que é residente na região disse que marcou a reunião com a presença do prefeito para mostrar a população que a atual gestão da prefeitura vem se dedicando a ouvir a comunidade e saber das reais condições dos problemas e necessidades dos moradores.

O presidente da Câmara vereador Mario Jorge disse que está sempre à disposição da população para no parlamento fazer as reivindicações e cobrar dos poderes, sejam Municipal, Estadual e Federal. “Nosso mandato é para fiscalizar e cobrar de nossos governantes. O prefeito Everaldo está de parabéns em visitar as comunidades e conferir de perto as suas reivindicações”, destacou.

Para o vereador Joelso Pontes o prefeito faz bem em visitar as comunidades que só recebiam candidatos a prefeitos, já que nenhum chefe do executivo chegou a dialogar com os moradores do bairro e saber das necessidades que enfrentavam. “Estamos à disposição dos moradores e estaremos juntos no que for de beneficio para os moradores do bairro Marcos Galvão II e dos demais do município de Brasiléia”, frisou Joelso.

Os benefícios de iluminação pública serão iniciados depois de um planejamento que será realizado pela secretaria de obras do município, mas de acordo com o prefeito os serviços começam no mês de maio.

DSC_1060

Comentários

Continue lendo

Acre

Bocalom entrega 800 tablets para agentes de saúde em Rio Branco: ‘Mais dignidade ao trabalho’

Publicado

em

O prefeito da capital, Tião Bocalom, disse durante a entrega que este é mais um passo para a modernização de Rio Branco

Os aparelhos foram entregues pelo prefeito Tião Bocalom/Foto: ContilNet

A Prefeitura de Rio Branco entregou 800 tablets para os agentes comunitários de saúde e de endemias, a fim de auxiliar nas atividades executadas por elesA entrega dos aparelhos eletrônicos ocorreu na tarde desta quinta-feira (13), no auditório localizado no centro universitário Uninorte.

O secretário da Casa Civil, Valtim José da Silva, afirma que a ação irá beneficiar principalmente aqueles servidores da ponta do serviço, que vão às casas da população fazer o levantamento de informações.

“Estão sendo entregues 800 tablets para dar mais dignidade ao trabalho desse pessoal, que é o pessoal da ponta, que vai visitar as casas, estamos dando mais condições de trabalho para eles”, disse o secretário.

O prefeito da capital, Tião Bocalom, disse durante a entrega que este é mais um passo para a modernização de Rio Branco.

Bocalom participou da cerimônia/Foto: ContilNet

“Com esses aparelhos nós vamos melhorar a produtividade e a qualidade do trabalho dos nossos agentes, assim eles poderão tanto enviar dados em tempo real como conferir dados do sistema. Estamos comprando o que tem de melhor no mercado, dando os melhores equipamentos disponíveis para facilitar o trabalho dos agentes e atender melhor as famílias”, disse ele.

Frank Lima foi secretário de Saúde no começo do governo do atual prefeito, hoje coordenador de campanha para possível reeleição, também falou sobre a importância dos aparelhos.

“Saúde não é só médico, remédios e exames, é trabalhar de forma preventiva para que a doença não chegue, então esses equipamentos vão melhorar o serviço e alimentar o SUS e melhorar nossos dados, ajudando a prevenir epidemias de várias doenças da região, através da informação”, explicou.

Dionara Vilela tem 42 anos e é agente de endemias, e comenta sobre a praticidade que os aparelhos vão proporcionar às equipes.

“Vai facilitar muito, usamos todo dia muito papel, é muita coisa pra organizar por parte dos agentes, sou chefe de equipe e preciso organizar muito papel. O eletrônico vai facilitar bastante e nós estávamos esperando isso há muito tempo”, conta a servidora.

O prefeito da capital, Tião Bocalom, disse durante a entrega que este é mais um passo para a modernização de Rio Branco/Foto: ContilNet

Comentários

Continue lendo

Acre

Quase 80% das famílias acreanas estavam endividadas em maio de 2024, diz pesquisa da Fecomércio e Data Control

Publicado

em

De acordo com pesquisa recente realizada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Acre (Fecomércio-AC) e o Instituto Data Control, o maior endividamento dos acreanos diz respeito ao cartão de crédito, representando 72,5% dos endividados.

Segundo o CNC, o endividamento com o cheque especial terminou maio com 3,9%, sendo o menor índice desde 2010

A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) divulgou dados que apontam que o nível de endividamento e inadimplência do consumidor apresentou mais uma elevação, sendo a maior desde maio de 2023, quando alcançou 78,3%.

No Acre, ao menos 90 mil famílias estavam endividadas durante maio, representando um índice de 77,8%. Das famílias endividadas no Acre, mais de 37 mil estão com dívidas em atraso, e 16 mil estão sem condições de pagar suas dívidas. O indicador é o menor desde novembro de 2023, quando atingiu 78,5% das famílias

Cheque especial

O Acre também tem seguido a tendência nacional em relação ao uso do cheque especial. Segundo o CNC, o endividamento com o cheque especial terminou maio com 3,9%, sendo o menor índice desde 2010.

No Estado, de acordo com pesquisa recente realizada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Acre (Fecomércio-AC) e o Instituto Data Control, o maior endividamento dos acreanos diz respeito ao cartão de crédito, representando 72,5% dos endividados.

Segundo a pesquisa, endividamento não é sinônimo de inadimplência,pois as dívidas contraídas são pagas em até 30 dias, e não gera inadimplência com os credores.

Comentários

Continue lendo

Acre

Superintendente do Dnit apresenta projeto de reconstrução da BR-364 na Aleac

Publicado

em

“A meta é elevar o percentual de trechos em bom estado de conservação de 35% para 60% a 70% ainda este ano, com perspectivas de melhorias adicionais nos anos seguintes”

Foram discutidos os investimentos necessários para a manutenção e recuperação da BR-364, assim como os desafios relacionados aos custos do transporte rodoviário e à disponibilidade de recursos para financiar os projetos de infraestrutura viária na região – Fotos: Sérgio Vale

Andressa Oliveira

Na manhã desta quarta-feira (12), a Assembleia Legislativa do Estado do Acre (Aleac) recebeu o superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), Ricardo Augusto, para uma apresentação sobre o projeto de reconstrução da BR-364. O convite partiu do deputado Pedro Longo (PDT), que destacou a importância estratégica da rodovia para a região.

Durante a apresentação, o presidente da Aleac, Luiz Gonzaga, agradeceu pela oportunidade, reconheceu o valor da BR-364 não apenas para a população do Juruá, mas para todo o estado do Acre. Ele ressaltou os avanços já realizados na recuperação da estrada e a importância do projeto de reconstrução, considerado um sonho acalentado há anos pelos acreanos.

O Superintendente do Dnit apresentou detalhes sobre o projeto de reconstrução, destacando os desafios enfrentados, especialmente no trecho entre Sena Madureira e Rio Liberdade. “Erosões e problemas estruturais têm sido obstáculos significativos nessa parte da rodovia, demandando cuidados especiais e investimentos substanciais para garantir a segurança e a viabilidade da via”.

Além disso, foram discutidos os investimentos necessários para a manutenção e recuperação da BR-364, assim como os desafios relacionados aos custos do transporte rodoviário e à disponibilidade de recursos para financiar os projetos de infraestrutura viária na região. O superintendente enfatizou a importância de uma gestão eficiente e de parcerias sólidas para enfrentar esses desafios e promover o desenvolvimento sustentável da região.

O presidente da Aleac, Luiz Gonzaga, agradeceu pela oportunidade, reconheceu o valor da BR-364 não apenas para a população do Juruá, mas para todo o estado do Acre

Ricardo Augusto destacou o compromisso do governo federal em melhorar as condições das rodovias brasileiras, citando o exemplo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que determinou que nenhum estado do país tivesse menos de 80% de suas rodovias classificadas como boas. No entanto, o Acre enfrenta desafios significativos nesse sentido, especialmente devido ao estado precário da BR-364, que coloca a região em último lugar nesse quesito.

“Para reverter essa situação, o governo federal se comprometeu a investir recursos substanciais na reconstrução e melhoria da BR-364”, disse Ricardo. O Superintendente anunciou também que serão destinados cerca de R$ 800 milhões para essas obras, o que representa um esforço significativo para elevar o índice de qualidade da rodovia. “A meta é elevar o percentual de trechos em bom estado de conservação de 35% para 60% a 70% ainda este ano, com perspectivas de melhorias adicionais nos anos seguintes”.

“Esses investimentos são fundamentais para garantir a segurança e a eficiência do transporte rodoviário no Acre, promovendo o desenvolvimento econômico e social da região. A população acreana aguarda com expectativa essas melhorias na infraestrutura viária, que terão impacto direto na qualidade de vida e na conectividade do estado com o restante do país”, pontuou o superintendente.

A apresentação do projeto contou com a presença de diversos deputados e deputadas, que tiraram dúvidas sobre o projeto, manifestaram apoio e se comprometeram a trabalhar em conjunto para garantir o sucesso da iniciativa.

Assembleia Legislativa do Estado do Acre (Aleac) recebeu o superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), Ricardo Augusto, para uma apresentação sobre o projeto de reconstrução da BR-364.

Comentários

Continue lendo