fbpx
Conecte-se conosco

Brasil

Porto de Santos bate recorde de embarques do agronegócio: crescimento de 18,7%

Publicado

em

O Porto de Santos continua a registrar crescimento na movimentação de cargas, alcançando em maio a marca de 15,8 milhões de toneladas. Este valor representa um aumento de 4,9% em comparação ao mesmo período do ano passado, que contabilizou 15,1 milhões de toneladas. Com esse desempenho, o movimento acumulado no ano atingiu 72,8 milhões de toneladas, estabelecendo um novo recorde para o período, com um incremento de 11,5%.

O agronegócio mais uma vez liderou esse crescimento, com destaque para o açúcar, que registrou embarques de 2,2 milhões de toneladas em maio, um aumento de 18,7%. Nos primeiros cinco meses do ano, o total embarcado de açúcar foi de 9,45 milhões de toneladas, um crescimento impressionante de 65,6%. Outros produtos agrícolas também mostraram desempenho notável: o café em grãos atingiu 204,7 mil toneladas em maio (+89,1%) e 1,0 milhão de toneladas no acumulado do ano (+65,3%). As carnes somaram 225 mil toneladas no mês (+32,2%) e 994,9 mil toneladas no acumulado (+28,0%). A celulose contabilizou 631,7 mil toneladas em maio (+14,3%) e 3,2 milhões de toneladas no ano (+2,7%), enquanto as descargas de fertilizantes chegaram a 662,9 mil toneladas em maio (+40,4%) e 2,78 milhões de toneladas no acumulado do ano (-6,1%).

Anderson Pomini, presidente da Autoridade Portuária de Santos (APS), comentou: “A infraestrutura para atendimento às safras agrícolas está em expansão no complexo portuário de Santos e é um dos fortes indutores desse desempenho”.

A movimentação de cargas conteinerizadas também registrou excelentes resultados, com 443,6 mil TEU (unidade equivalente a um contêiner de 20 pés) em maio, um aumento de 10,1% em comparação ao mesmo mês do ano anterior. No acumulado do ano, o volume somou 2,12 milhões de TEU, 17% acima do período anterior, ambos recordes históricos.

No geral, os embarques totalizaram 11,912 milhões de toneladas em maio, um crescimento de 4,1%, e 54,3 milhões de toneladas no acumulado do ano, 13% acima do mesmo período de 2023. As descargas somaram 3,89 milhões de toneladas em maio, um aumento de 7,5%, e 18,5 milhões de toneladas no acumulado, um incremento de 7,3%.

Os granéis sólidos atingiram 37 milhões de toneladas nos primeiros cinco meses do ano, um aumento de 4,9% em relação ao mesmo período de 2023. Os granéis líquidos somaram 8 milhões de toneladas, um crescimento de 8,2%, ambos recordes para o período. Neste segmento, a gasolina se destacou com 166,7 mil toneladas em maio (+293,9%) e 489,7 mil toneladas no ano (+79,7%). Óleo diesel e gasóleo registraram 211 mil toneladas em maio (+102,9%) e 790,9 mil toneladas no acumulado do ano (+23,7%).

Em maio, o Porto de Santos registrou 472 atracações de navios, um aumento de 0,2%, totalizando 2.305 atracações nos primeiros cinco meses do ano, um incremento de 5,1%.

A participação do Porto de Santos na corrente comercial brasileira atingiu 29% no acumulado do ano. Cerca de 29% das transações comerciais do Brasil com o exterior foram com a China. São Paulo manteve-se como o estado com maior participação nas transações comerciais através de Santos, com 52,7%.

Fonte: Pensar Agro

Comentários

Continue lendo

Brasil

Acre registra quase três mil casos de violência doméstica no primeiro semestre de 2024, aponta levantamento

Publicado

em

A legislação brasileira define como violência doméstica qualquer ação que resulte em morte, lesão, sofrimento físico, sexual, psicológico ou dano moral ou patrimonial, conforme estabelecido pela Lei nº 11.340 de 2006

Capital Rio Branco lidera o ranking de casos, acumulando 1.337 registros. Cruzeiro do Sul aparece em segundo lugar, com 285 casos, seguido por Sena Madureira, que contabilizou 187 ocorrências.

Dell Pinheiro, do site Notícias da Hora

O Acre enfrenta uma preocupante escalada nos casos de violência doméstica, conforme levantamento do Observatório de Análise Criminal do Ministério Público do Acre. Nos primeiros seis meses de 2024, foram registrados 2.842 casos de violência doméstica.

Os números mensais apresentam variações significativas ao longo do semestre. Maio despontou como o mês com maior incidência, contabilizando 507 ocorrências, seguido por janeiro com 493, fevereiro com 454, março com 420 e junho com 471 registros.

A Capital Rio Branco lidera o ranking de casos, acumulando 1.337 registros. Cruzeiro do Sul aparece em segundo lugar, com 285 casos, seguido por Sena Madureira, que contabilizou 187 ocorrências. Por outro lado, o município de Jordão não registrou nenhum caso de violência doméstica neste ano.

Comparativamente, o ano de 2023 também revelou um quadro alarmante, com o mês de maio liderando novamente com 516 casos. Janeiro, fevereiro, março, abril e junho do ano anterior apresentaram números que oscilaram entre 374 e 477 casos mensais.

A legislação brasileira define como violência doméstica qualquer ação que resulte em morte, lesão, sofrimento físico, sexual, psicológico ou dano moral ou patrimonial, conforme estabelecido pela Lei nº 11.340 de 2006, conhecida como Lei Maria da Penha.

Comentários

Continue lendo

Brasil

Rondônia sedia o 28º Fórum de Governadores da Amazônia Legal

Publicado

em

O encontro também possui uma veia cultural, de modo que todos os estados engajados no processo possuem muitos fatores em comum. A união de seus representantes significa mais força coletiva, com vistas ao desenvolvimento regional.

Ao todo, serão cinco câmaras setoriais e uma sala exclusiva para assuntos relacionados ao consórcio. Foto: assessoria

Com assessoria

O estado de Rondônia vai receber, entre os dias 8 e 9 de agosto, todos os governadores e secretários da região Norte. O encontro marca a realização da 28ª edição do Fórum de Governadores da Amazônia Legal. Em pauta, estão a governança fundiária; agricultura e economia verde; infraestrutura e transporte; meio ambiente e desenvolvimento sustentável, além da segurança pública. O encontro também possui uma veia cultural, de modo que todos os estados engajados no processo possuem muitos fatores em comum. A união de seus representantes significa mais força coletiva, com vistas ao desenvolvimento regional.

Durante o Fórum dos Governadores haverá debates pertinentes ao Consórcio da Amazônia Legal com a presença de seus representantes, a diretora executiva, Vanessa Duarte e o secretário executivo, Marcelo Brito, que também estarão presentes no evento.

Um dos detalhes do evento é a setorização dos temas abordados. Ao todo, serão cinco câmaras setoriais e uma sala exclusiva para assuntos relacionados ao consórcio. Os debates acontecem, de forma simultânea, no dia 8 de agosto a partir das 9h30. Toda a programação do evento acontecerá nas dependências do Palácio Rio Madeira (PRM), sede político-administrativa do governo de Rondônia, localizado na Avenida Farquar, nº 2.986, no Bairro Pedrinhas.

Comentários

Continue lendo

Brasil

Polícia e MP deflagram segunda fase da Operação Red Flag de operação contra o crime em cidades do Acre

Publicado

em

Ação teve o apoio das Promotorias de Justiça de Tarauacá e Feijó, e visou o cumprimento de 31 mandados judiciais, sendo 12 mandados de prisão e 19 de busca e apreensão contra alvos localizados em Tarauacá, Feijó, Manoel Urbano, Sena Madureira e Rio Branco

Os mandados foram expedidos pela Vara de Delitos de Organização Criminosa. Foto: assessoria

O Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), em conjunto com a Polícia Militar, deflagrou, nesta quinta-feira, 18, a segunda fase da Operação Red Flag.

A ação teve o apoio das Promotorias de Justiça de Tarauacá e Feijó, e visou o cumprimento de 31 mandados judiciais, sendo 12 mandados de prisão e 19 de busca e apreensão contra alvos localizados em Tarauacá, Feijó, Manoel Urbano, Sena Madureira e Rio Branco. Os mandados foram expedidos pela Vara de Delitos de Organização Criminosa.

Red Flag

O nome da operação, que em português significa “bandeira vermelha”, faz referência à cor usada pela facção criminosa alvo da ação e ao trabalho das forças de segurança no enfrentamento do crime organizado. A primeira fase ocorreu em maio de 2023, quando foram feitas 25 prisões preventivas de integrantes de organização criminosa de atuação nacional, e cumpridos 12 mandados de busca e apreensão nos municípios de Rio Branco e Porto Acre, totalizando 37 mandados judiciais.

O Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), em conjunto com a Polícia Militar, deflagrou a segunda fase da    . Foto: assessoria

Comentários

Continue lendo