A Polícia Civil através dos Instituto de Criminalística, identificou no início da tarde desta quinta-feira (14) os dois corpos que foram encontrados por populares amarrados e com marcas de tiros na noite desta quarta-feira (13) no Ramal Castanheira, região da Vila Custódio Freire, na BR-364, em Rio Branco.

O jovem que foi decapitado e teve a cabeça jogada a 5 metros do seu corpo, foi identificado como Marcos Gabriel de Barros Morais, de 19 anos. Já o outro jovem encontrado que foi ferido com tiros na cabeça e no peito foi identificado como Paulo Henrique Batista, de 19 anos.

Na noite do crime, os faccionários soltaram nas redes sociais um vídeo de 9 segundos, onde Marcos Gabriel, aparece com várias marcas de agressões na cabeça, com um pano no pescoço e as mãos amarradas. O jovem relata que é morador do bairro Tucumã, que andava com os membros do Comando Vermelho (CV), que foi tentar roubar na área da própria facção e foi pego.

O vídeo já se encontra com a Polícia e os Agentes da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) seguem com as investigações.

Os corpos permanecem no Instituto Médico Legal (IML) para os exames cadavéricos. Em seguida, serão liberados aos familiares.

Comentários