Segundo informações de moradores do município do Jordão, interior do Acre. Na madrugada dessa quarta (30), um jovem de 17 anos, conhecido como “moleque” é acusado de ter incendiado sua residência, onde morava com esposa e filhos.

De acordo com informações, o que teria motivado o crime seria a revolta com a companheira que decidiu dá um fim na relação. A polícia local prendeu o suspeito e dará seguimento aos procedimentos de prisão.

Tirando as perdas materiais, mulher e filhos passam bem, estão recebendo auxilio de familiares e vizinhos.

Jordão é um dos municípios acreanos mais isolados e não dispõe de serviço do Corpo de Bombeiros e as residências são na sua maioria feitas de madeira, o que poderia se tornado uma tragédia a ação criminosa.

Por: Victor Augusto - Blog Pé de Orelha

Comentários