Ainda segundo a polícia, no momento do crime não havia ninguém da família da vítima em casa.

Redação Folha do Acre

Jeferson da Silva Moura, de 19 anos, foi assassinado com cinco tiros na manhã desta segunda-feira (17) dentro da sua própria residência localizada na Travessa Calúnia, na região conhecida como Sapolândia, no bairro Hélio Melo, em Rio Branco.

De acordo com informações da polícia, a vítima estava dormindo em casa quando homens armados invadiram a residência e mataram Jeferson com um tiro na boca, peito, braço e perna.

Jeferson morreu em cima da cama antes mesmo da chegada do socorro médico do Samu. Ainda segundo a polícia, no momento do crime não havia ninguém da família da vítima em casa.

A Polícia Militar esteve no local e isolou a área para a perícia técnica.O corpo foi levado ao IML. A Delegacia de Homicídios investigará o caso.

Segundo familiares, Jeferson havia recebido ameaças de morte nos últimos dias antes do crime.

Jovem assassinado na Sapolândia havia sido ameaçado de morte, diz família

O jovem Jefferson da Silva Moura, de 19 anos, assassinado nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira (17) na invasão Sapolândia, no Mocinha Magalhães, em Rio Branco, havia sido ameaçado de morte dias antes do seu assassinato.

Segundo informações da família de Jefferson, ele havia comunicados seus parentes que estava sendo ameaçado de morte por integrantes de facção.

Na manhã desta segunda-feira, criminosos armados invadiram a casa onde Jefferson estava dormindo e atiraram cinco vezes contra a vítima.

Uma ambulância do Samu ainda foi acionada, mas ao chegar ao local a vítima já estava morta. Os tiros de pistola atingiram a boca, peito, perna e braço de Jefferson.

Comentários