Conecte-se conosco

Acre

Lideranças femininas do Acre protagonizam agendas na COP27

Publicado

em

A socióloga e chefe da Divisão de Áreas Protegidas da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e de Políticas Indígenas (Semapi), Mirna Caniso, é uma das dez mulheres painelistas que compõe a comitiva acreana de mulheres para participar da 27ª Conferência do Clima, a (COP-27), promovida pela Organização das Nações Unidas (ONU). Este ano, a Conferência teve início no domingo, 6, na cidade de Sharm el-Sheikh, no Egito.

A socióloga e chefe da Divisão de Áreas Protegidas da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e de Políticas Indígenas (Semapi), Mirna Caniso, é uma das dez mulheres painelistas que compõe a comitiva acreana de mulheres para participar da 27ª Conferência do Clima, a (COP-27), promovida pela Organização das Nações Unidas (ONU). Este ano, a Conferência teve início no domingo, 6, na cidade de Sharm el-Sheikh, no Egito.

A gestora explica que está muito feliz em participar do evento, principalmente, em razão da mulher ter um olhar mais inclusivo no âmbito social.

“Nós mulheres pensamos numa justiça climática que esteja ao alcance de todos. As apresentações que vimos até agora são apresentações muito interessantes, não somente pelo aspecto técnico e político, mas pelo aspecto da inclusão. Nós que estamos participando desse evento, representamos todo um grupo que está no Acre, que passa a ser uma representação ativa”.

Mirna parabenizou ainda o governo do Estado, por meio da Secretaria de Meio Ambiente, pela iniciativa em trazer à COP27 várias mulheres que são gestoras no Estado.

Parte da delegação acreana que está na COP. Foto: Pedro Devani/Secom

Francisca Arara que é gestora do Instituto de Mudanças Climáticas do Acre (IMC) destaca que as mulheres fazem um trabalho de resultado no combate ao desmatamento, as diferenças sociais e, em especial, aos povos da floresta. Francisca possui mais de 16 anos à frente de organizações indígenas e não indígenas e é membro titular do Projeto Florestas+ do Ministério do Meio Ambiente.

“Me sinto honrada em juntamente com outras mulheres acreanas participar das atividades da COP27″, disse Francisca Arara. Foto: Pedro Devani/Secom

“Me sinto honrada em juntamente com outras mulheres acreanas participar das atividades da COP27. Agradecemos o olhar sensível do governo do Estado em nos deixar ser porta-voz em diversas ações importantes para o Acre. Estamos aqui hoje, porque queremos que as políticas públicas cheguem aos povos originários. Temos participado de vários diálogos e vamos apresentar as experiências do Acre com pessoas do mundo inteiro com objetivo de obter melhorias para a nossa gente”.

Secretária falou do papel de destaque que as mulheres têm no governo. Foto: Pedro Devani/Secom

Outra painelista feminina na COP27 é a secretária de Estado de Meio Ambiente Paola Daniel. A gestora explica que é uma satisfação enorme participar da Conferência, onde todos buscam soluções para as mudanças climáticas.

“Nessa COP trouxemos a apresentação do planejamento estratégico dos próximos 10 anos para desenvolvimento do Acre. O Acre tem cerca de 13 milhões de hectares, onde temos um passivo ambiental muito grande. É projeto do Estado recuperar essas áreas. Temos falado dos nossos desafios e onde ainda podemos avançar mais. E como mulher é uma experiência muito enriquecedora, pois o Estado tem nos colocado em vários papeis de destaque”, enfatizou Paola.

Sobre a COP27

A COP27, organizada pelas Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (UNFCCC), é um evento anual realizado desde 1995. A conferência de duas semanas reúne diversos líderes mundiais, especialistas científicos, membros da sociedade civil e representantes para identificar soluções para a crise climática e facilitar suas implementações. A COP27 já é um dos maiores eventos pois reúne cerca de 35 mil participações.

Comentários

Acre

Viatura capota na estrada com dois PMs que saiam do plantão

Publicado

em

Na manhã deste sábado, 26, dois policiais militares acabaram se envolvendo em um acidente na rodovia AC-40 em Senador Guiomard.

De acordo com informações repassadas à reportagem do ac24horas, os dois estavam de plantão na barreira entre a divisa de Plácido de Castro com a Bolívia, desde às 19 horas da noite de sexta-feira, 25. Após o plantão, os PMs voltavam para o município de Senador Guiomard quando acabaram capotando a viatura na estrada.

Uma outra equipe da Polícia Militar prestou socorro e encaminhou os militares – sargento Nunes e soldado Freitas ao hospital de Senador Guiomard, no interior do Acre, onde passam por exames de imagem.

Contudo, apesar do susto, os militares se encontram em estado de saúde estável.

Comentários

Continue lendo

Acre

Saúde do Estado realizou mais de 10 mil procedimentos voltados às pessoas com autismo no Acre

Publicado

em

A marca superior a 10 mil procedimentos voltados à pessoa com deficiência intelectual, com ênfase no Transtorno do Espectro Autista (TEA), é mais uma conquista do governo do Acre. O projeto inovador da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre) levou assistência médica especializada para menores como Luiz Miguel da Silva, de 5 anos. O jovem foi acompanhado, na manhã desta sexta-feira, 25, em Cruzeiro do Sul, na edição que marca o encerramento do empreendimento que trouxe dignidade e mais qualidade de vida aos acreanos.

Mais de 10 mil procedimentos voltados à pessoa com autismo foram realizados no Acre, em 2022. Foto: Marcos Santos/Secom

“A falta de conhecimento nos leva a não saber lidar com esse transtorno. Essa porta que o governo abriu nos enche de esperança. Creio que, a partir de agora, o nosso dia a dia vai melhorar”, pontuou a mãe de Luiz Miguel, Ana Carolina Silva, ao ouvir do especialista o diagnóstico sobre os transtornos que afetam o desenvolvimento e o comportamento do filho.

De abril a novembro deste ano, a equipe multiprofissional, formada por pediatra, neuropediatra, geneticista especialista em saúde da família, neuropsicólogo, terapeuta ocupacional, fonoaudiólogo, nutricionista, enfermeiro e assistente social realizou 1.617 consultas médicas, 2.017 avaliações e 10.880 procedimentos em dez dos vinte e dois municípios do estado.

O projeto levou dignidade a crianças de dez dos vinte e dois municípios acreanos. Foto: Marcos Santos/Secom

Os números refletem a dedicação e o compromisso da gestão estadual em melhorar a vida dos acreanos. “A população é grata e sempre elogia o projeto, fruto de muito esforço da equipe da Sesacre, da secretária Paula Mariano e do governador Gladson Cameli.  Atendemos in loco e, com isso, facilitamos a vida de pessoas que teriam que se deslocar para outra região em busca de ajuda. Para que o benefício contemple mais pessoas, o governo planeja dar continuidade aos serviços nos próximos anos”, informou Catiana Rodrigues, coordenadora regional da Sesacre.

Parte da equipe que compõe o Saúde Itinerante Especializado. O programa possibilita aos acreanos assistência médica gratuita e bem pertinho de casa. Foto: Marcos Santos/Secom

A iniciativa contou com parceria das prefeituras municipais.

Comentários

Continue lendo

Acre

Saúde realiza encontro de encerramento da programação do Novembro Roxo

Publicado

em

O contato pele a pele é algo inerente e necessário ao ser humano, o toque, o calor humano se faz importante principalmente para os recém-nascidos, em especial os prematuros. Abordando esta temática, encerrou-se nesta sexta-feira, 25, a programação de atividades alusivas ao Novembro Roxo, de combate à prematuridade.

Encontro reuniu funcionários e mães do método cangurú. Foto: cedida

O encontro, que reuniu mamães e servidores da Maternidade Bárbara Heliodora, foi realizado no auditório da unidade.

“Fizemos uma pequena celebração para homenagear os nossos servidores, agradecer todo o empenho, bem como uma conversa com as mães do método canguru e amostra dos resultados de trabalho na unidade de terapia intensiva neonatal”, relatou a gerente do Sistema Assistência à Saúde da Mulher e da Criança (Sasmc), Laura Pontes.

Além disso, o evento contou com a convidada da Universidade Federal do Acre (Ufac), Cláudia Pinto, que abordou os efeitos fisiológicos durante o contato pele a pele.

“Nós sabemos dos benefícios adquiridos quando a criança tem o contato pele a pele com os pais e, principalmente, quando chega na fase canguru ele ganha peso rápido, a parte emocional fica elaborada. São diversos os benefícios”, destacou Laura Pontes.

Comentários

Continue lendo

Em alta