Menor já tem várias passagens e agora tentou contra a vida de uma pessoa - Foto: Alexandre Lima
Menor já tem várias passagens e agora tentou contra a vida de uma pessoa – Foto: Alexandre Lima

Alexandre Lima

Uma Força Tarefa onde estão trabalhando juntos policiais militares e civis das cidades de Brasiléia e Epitaciolândia, está realizando trabalhos para localizar e prender os envolvidos nos acontecimentos na fronteira que vão desde homicídio, latrocínio, furtos, tráfico e assaltos.

Os trabalhos dessa noite de terça-feira (4), conseguiram localizar o primeiro envolvido na tentativa de homicídio ocorrido no último domingo, quando a vítima estava num bar localizado no Bairro Leornardo Barbosa e quase foi morto com um tiro de escopeta.

Velha arma usada como escopeta era usada para intimidar as pessoas e quase tirou a vida de uma pessoa - Foto: Alexandre Lima
Velha arma usada como escopeta era usada para intimidar as pessoas e quase tirou a vida de uma pessoa – Foto: Alexandre Lima

Esse tiro efetuado por trás, foi efetuado por um menor de idade, de 15 anos, que vem atuando como chefe de ponto de venda de drogas, além de outros delitos. Já foi detido e sempre é beneficiado pelo Estatuto do Menor e do Adolescente, sendo liberado depois para continuar com os crimes.

Uma de suas detenções ocorreu no mês de Abril passado, quando estaria comercializando drogas no Bairro Leonardo Barbosa, numa casa em que havia alugado e pagava para ter o ‘ponto’ de venda.

Desta vez, seria pedido a internação no abrigo da Capital, aja visto que o mesmo tentou matar outra pessoa e foi detido com a arma, uma velha escopeta. Com essa detenção, o delegado Sérgio Lopes encerra um dos casos que estava aberto e irá continuar com a Força Tarefa para desvendar outros nos próximos dias.

Matérias relacionadas:

Homem quase perde orelha durante tentativa de homicídio em Brasiléia

Polícia Civil de Brasiléia fecha duas ‘bocas’ no Samaúma comandada por menores

IMG_9220

Comentários