SAIMO MARTINS

No último fim semana o senador da República, Márcio Bittar (MDB), usou as redes sociais para relembrar o episódio da facada que quase tirou a vida do então candidato à presidência Jair Bolsonaro há um ano, na campanha de 2018.

Bittar considera que pior que a tentativa de homicídio, foi o desejo de morte por parte de membros da oposição do militar do exército.

________________

“Tão infame quanto a facada que quase lhe tira a vida, foram os comentários maldosos de alguns lhe desejando a morte”, relembrou.

________________

Como prova de lealdade e respeito ao presidente, Márcio desejou vida longa à Bolsonaro. “Deus lhe guarde. Jair Messias Bolsonaro”, declarou.

Comentários