Sete criminosos invadiram sua residência, fizeram a família refém e estupraram a sua filha de 14 anos de idade.

Produtores ruais do Acre que moram no lado boliviano no Ramal do Pelé, que faz divisa entre Plácido de Castro e a Bolívia, foram alvos de criminosos na manhã desta segunda-feira (14).

Segundo informações do produtor rural Carlos Ribas, sete criminosos invadiram sua residência, fizeram a família refém e estupraram a sua filha de 14 anos de idade. Ele conseguiu fugir, atingiu um dos bandidos na cabeça e seguiu para a cidade para acionar a polícia.

Ribas conta que sua filha, sua esposa e outro filho do casal foram baleados por criminosos que foram resgatar o bandido ferido pelo dono da casa. A garota conseguiu fugir e foi encaminhada para o Pronto Socorro de Rio Branco. Já sua mãe e irmão estão desaparecidos. Ribas conta ainda que sua casa foi incendiada pelos criminosos.

Ao chegar em Acrelândia, Carlos acionou a Polícia Militar do Acre que, juntamente com a polícia boliviana, seguiram até a localidade que foi alvo dos bandidos.

Ainda não se sabe se as vítimas baleadas estão mortas e conseguiram fugir pela mata.

 

Comentários