Idosa estava sendo tratada no hospital Raimundo Chaar – Foto: Alexandre Lima

Uma aposentada de 77 anos, moradores de Brasiléia, morreu durante a tarde desta quinta-feira, dia 21, no hospital Raimundo Chaar localizado em Brasiléia. Segundo foi apurado inicialmente a idosa apresentava um quadro clinico bastante delicado devido uma doença crônica.

Foi informado pela direção do hospital que a idosa já havia sido internada para o tratamento de insuficiência respiratória aguda, pneumonia e doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC). Devido o quadro clínico, a mesma estava sendo tratada em uma ala do hospital, onde recebeu todos os cuidados.

Por volta do meio-dia, seu estado clínico piorou ocasionando sua morte. Os procedimentos conforme protocolo da Organização Mundial da Saúde – OMS, foram tomados e o teste para o vírus covid-19 foi realizado, sendo confirmado o contágio.

Seguindo o protocolo, o corpo da aposentada foi liberado de imediato para que fosse realizado o enterro ainda na tarde desta quinta-feira na cidade de Epitaciolândia.

Esse é o segundo caso de óbito por covid-19 na regional do Alto Acre. O primeiro aconteceu no dia 18, um senhor de 86 anos da cidade de Assis Brasil.

Nota relacionada:

Brasileia registra primeira morte por Covid-19 no hospital Raimundo Chaar

Pai do ex-prefeito de Assis Brasil é primeira vítima de covid-19 na regional do Alto Acre

Comentários