Ação policial na fronteira prende quadrilha que usou metralhadora para assaltar joalheria em Cobija

Um trabalho conjunto envolvendo policiais civis e militares do Acre, juntos com a Força Especial de Luta Contra o Crime (FELCC) boliviana, conseguiram obter êxito em prender uma quadrilha que praticaram um assalto à uma joalheria na cidade de Cobija, capital do estado de Pando, lado boliviano, na noite desta terça-feira, dia 3.

Toda ação dos bandidos foi filmada pelo sistema de segurança do estabelecimento, onde mostra dois portando armas, inclusive uma submetralhadora de fabricação argentina, calibre 9mm, ameaçando homens e mulheres no local.

Os bandidos levaram dinheiro e joias do local, para em seguida fugir indo rumo à cidade de Brasiléia. A partir desse momento, as forças policiais entraram em cena e conseguiram localizar um dos envolvidos que estava com o revólver calibre 38.

A partir desse ponto, outros foram localizados juntamente com a metralhadora em uma casa na zona rural de Brasiléia, dinheiro e joias que foram levados da joalheria. Ao todo, foram identificados e detidos, nove pessoas, entre maiores e menores.

Segundo o delegado Sérgio Lopes, que coordena a regional do Alto Acre, acredita que esses estão envolvidos em uma série de crimes que vinha acontecendo pela fronteira. todos seriam apresentados no judiciário e foi pedido a prisão preventiva de todos enquanto conclui o caso.

Veja vídeo reportagem.

Comentários