‘Pecar pelo silêncio, quando se deveria protestartransforma homens em covardes.’

Abraham Lincoln

Uma pergunta feita deixou muita gente curiosa. “O senhor é um dos fundadores do Foro de São Paulo“, afirmou o candidato do Patriota ao ex-governador do Ceará na noite desta quinta-feira (9). “O que pode falar sobre o Plano Ursal? Tem algo a dizer para a nação brasileira?”, disparou.

O candidato do PDT à Presidência negou ser fundador do Foro de São Paulo. Daciolo argumentou que Ursal é a União das Repúblicas Socialistas da América Latina, que seria uma aspiração de união da América do Sul, formando uma única ação, a “Pátria Grande”.

Ciro Gomes, pré candidato à presidencia do Brasil – Foto: REUTERS/Sergio Moraes

“No nosso governo, o comunismo não vai ter vez”, emendou Daciolo, que foi eleito deputado federal pelo Rio de Janeiro em 2014 pelo PSol e acabou expulso do partido por divergências ideológicas.

Ciro reagiu à verborragia de Daciolo: “a democracia é uma delícia, mas tem certos custos”. Quem assistia ao embate nos estúdios da Band não segurou o riso.

Debate presidencial

Enquanto os postulantes com mais experiência no Executivo, casos de Alckmin, Ciro, Alvaro Dias (Podemos) e Henrique Meirelles (MDB) procuraram exaltar seus feitos e passagens de destaque, outros, casos de Cabo Daciolo (Patriota) e Jair Bolsonaro (PSL), se concentraram em criticar a “velha política” e defender a substituição dos atuais políticos.

 Marina Silva apareceu pouco e, Boulos Defendeu  Lula  esquecendo  de apresentar projetos…

Marina Silva (Rede), apesar de ter sido ministra do Meio Ambiente e senadora, não falou muito sobre suas passagens anteriores. Também sem experiência política, Guilherme Boulos (PSOL), que pediu a liberdade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), não falou tanto sobre mudanças radicais na política, se limitando a defender medidas duras contra excessos que enxerga no setor financeiro e na falta de cobrança de impostos sobre os mais ricos.

Atual presidente, Michel Temer (MDB) apareceu no debate apenas como uma “batata quente”. Candidato do seu partido, Henrique Meirelles disse novamente ser o candidato do seu histórico e, sempre que relacionado ao governo, lembrava de ter também comandado o Banco Central no governo Lula. Tentando relacionar candidatos de outros partidos que participaram do governo ao presidente impopular, em especial Alckmin, Boulos disse haver “cinquenta tons de Temer” no debate.

Alvaro Dias promete Sérgio Moro como ministro da justiça em um eventual governo.

Os candidatos recorreram, algumas vezes, a figuras externas que imaginaram ter potencial para impulsionar as suas candidaturas. Geraldo Alckmin e Jair Bolsonaro mencionaram diversas vezes seus candidatos a vice. O tucano mencionando diretamente a senadora Ana Amélia (PP-RS), enquanto o candidato do PSL exaltava a posição de general da reserva do seu parceiro de chapa, Hamilton Mourão (PRTB). Em outras quatro oportunidades, Alvaro Dias prometeu nomear o juiz Sergio Moro, da Operação Lava Jato, para o Ministério da Justiça.

 Entrevista Dr Dilsomar Ribeiro Campos

Dr. Dilsomar Ribeiro Campos você acredita que o povo brasileiro desconhece os seus direitos em sua grande maioria?

Sim, apesar da grande maioria da população ter noção do certo e errado que é protegido por diversas lei, há uma certa descrença quando se nota que alguns problemas que são levados ao conhecimento da justiça demoram para serem resolvidos, contudo, a lei deriva do que é certo ou errado em uma sociedade, ou seja, trocando em miúdos, todos que são educados desde criança a respeitar o bem alheio e os mais velhos, basicamente estão sendo instruidos no principio básico que é a aplicação das Leis no caso concreto. 

Nossa constituição de 1988, na sua concepção está defasada ou responde a altura o momento atual do Brasil?

Caro Dimas, a CF/88, é uma das constituições mais modernas do mundo até hoje, contudo ela ordenou vários principios gerais de deveres e garantias, alguns destes ordenamentos precisão serem   complementados, e estas finalizações estão até hoje para serem completadas, porém  temos no artigo 5° desta Carta Magna mais de meia centena de incisos pétreos de direitos e deveres que dão estabilidade ao sistema politico e judicial do Brasil.

Alguns Advogados declaram que o Brasil é um País que existe excessos de leis, e que na verdade o que falta é a aplicação eficiente, você como advogado, concorda com esse ponto de vista de alguns colegas seus?

No Brasil temos muitas leis, de certa forma o suficiente para gerir o estado federado sem novas modificações, entretanto o que precisamos são de novas formas para simplificar o rito de aplicação destas leis, apesar  do judiciario ter nos últimos anos ter realizado várias mutações para agilizar os tramites processuais, ainda temos algumas fases destes ritos que necessitam  melhorar, na nossa região o alto acre, os juízes trabalham arduamente para finalizar os processos mesmo com empecilhos, como foi as últimas inundações do rio acre, que paralisou a justiça por vários meses.

Como você ver a relação entre os 3 poderes atualmente, legislativo, executivo e Judiciário?

Esta relação é estritamente institucional, com independencia entre os mesmos,  respeito as decisões de cada dentro da sua área, estes sistemas de poderes  são os pilares do estado democrático de direito moderno, entendo que somente o judiciario está com suas ações mais normatizadas, seguindo formas que não pode ser neglicenciada  pacionalmente, pois se esta omição ao devido processo legal  ocorre prontamente os operadores do direito recorrem trazendo os feitos para o rumo correto. Falei desta maneira, mais os sistemas legislativo e o judiciario também tem suas formas de gestão vinculadas a lei vigentes, entretando eles são mais elásticos quanto ao seu modo de aplicação, como exemplo no caso do executivo quando aplica recursos públicos sem a devida análise do trabalho a ser feito e muitas vezes sai mais honeroso do que se fosse um serviço particular, e para concertar este desvio, o cidadão que paga imposto (que não é pouco) é quem sai prejudicado , e quanto ao legilativo que muitas vezes iniciam projetos de lei que não tem nenhuma relevância para a comunidade, mostrando o  total descompromisso com as pessoas que os mesmos tutelam , lembrando à população que os representantes do legislativo municipal, estadual e federal, são as vozes e o olhos da comunidade dentro e fora do Brasil, então a representação social oficial de uma comunidade é o legislativo, por mais que este representante não seja um homem de boa fé,  ele vai representar os homens de boa fé, por isso cuidado  em quem vota pois depois de eleito, já esta feito.

O partido dos trabalhadores está a aproximadamente 20 anos governando o estado do Acre, isso é perigoso pra democracia ou é algo absolutamente normal?

Somos de um país de muitas paixões pelos esportes, folias, familia, religião e politica, entretanto para adentrarmos na sala do primeiro mundo, como convidado de honra, devemos nos desvencilhar de arroubos e romantismos politicos, quando notamos que a politica que existe é a de se manter no poder, defendendo o que ou quem seja precisso para continuar no pedestal mais alto, falo isso porque  vinte anos não dá mais o direito de experimentar modos de melhorar a vida de todos que estão baixo sua responsabilidade, é como se você não tivesse mais bala na agulha para se defender de uma onça parida, e se defender dela no 128 (teçado), meu caro Dimas é quase impossivel. Trazendo de novo para o lado mais formal da resposta,  toda democracia exígi alternância de representantes na sua liderança, os lideres tem que serem ungidos pelo povo em sua maioria esmagadora, quando isto não ocorre é porquer há um descontentamento pernicioso, e o que observamos no Acre é que o PT perdeu o rumo da idéias lançadas por seu grande arauto Jorge Viana, e ao tentar se mante no poder durante tanto tempo, sem os beneficios reais que se apregoam para a população acreana, leva o povo ao desanimo  que não vai haver luz para um novo caminho e prosperidade, nestes casos todas os governos nas histórias da sociedades atuais e passadas, ou se reiventaram possitivamente ou levaram ao desastre a comunidade sob sua responsabilidade na ansia do poder eterno, não precissa somente dizer que estamos em uma democracia, precisa parcecer democratico e após dissecado, confirmar que é democratico.

Prisão de Lula…

É o fato mais relevante da historia moderna do Brasil, pois este ato da aplicação real da Lei, demostrou  para o povo brasileiro que o Brasil pode e deve ser levado a sério, Lula teve e tem todas as suas defesas respondidas com zelo esmerado pela judiciário, pois é um preso que tem ainda uma legião de pessoas que acreditam  nas suas palavras, mesmo não sendo estas verdadeiras, o que leva a serem indeferidos  pelo sistema judiciario brasileiro os seus requerimentos, que tem uma ampla gama de recursos que defende o interesse dos processados e da população ordeira e tememte a legislação patria.

Lula decepcionou o Brasil, e agora tenta se manter vivo para não cair o no esquecimento, o que prejudicaria mais ainda a sua tentativa de se livrar da prisão.

 Acre…

Está em um periodo  de maior fragilidade da sua história, pois não tem economia própria sustentável, todos os projetos de viabilizar economicamente o estado não vingaram, uma divida crescente exorbitante, problemas de saúde, educação, estradas , ruas e diversão saudável para o povo pobre do estado, lembrando ainda que é o estado da federação que mais recebe e porcentagem de numero de habitantes repasses do governo federal ou seja estamos esperando que a proxima administração consiga renovar a tentativa de independencia financeira do nosso amado estado, para assim melhorar a vida de seu sofrido povo.

Considerações finais …

Agradeço a você  Dimas que com a criação deste espaço tenta em poucas palavras informar e  orientar os leitores para dissernir entre o certo e o errado, ao Jornal O Alto Acre , em nome de seu diretor  Alexandre Lima, que tem a audácia de se levantar contra o sistema, mesmo sendo perseguido mantem-se fiel ao dever de informar , meu mui agradecimento a OAB/AC, entidade que depois de minha familia interna é o meu porto seguro, que sempre me forneceu  o elixí necessário para ter vitalidade na militância da advocacia, mesmo com todas  adversidades neste rincão do Brasil e do Acre, e por ultimo, aos companheiros que encontrei na minha jornada até  aqui – o meu muito obrigado.

Viva o 11 de agosto – dia do Advogado, obrigado meus pais por terem me dado este presente, e a todos os pais pelo seu grande dia.

Comentários