Conecte-se conosco

Cotidiano

Depoimento de repórter revela assédio e xingamento de torcedor do Flamengo antes de entrar no ar

Publicado

em

Marcelo Benevides Silva é preso em flagrante na noite de quarta-feira antes do jogo contra o Vélez no Maracanã

Em depoimento à polícia, a repórter da ESPN Jéssica Dias contou que Marcelo Benevides Silva, o torcedor que a assediou durante uma reportagem ao vivo no Maracanã já vinha a molestando antes de aparecer ao ar, com xingamentos e beijos no ombro. A informação foi publicada pelo g1.

Marcelo, que tinha ido ao estádio com o filho, foi preso em flagrante. Na audiência de custódia, o Juizado Especial Criminal manteve a prisão e a converteu em preventiva.

Torcedor do Flamengo beija repórter da ESPN Jéssica Dias — Foto: Reprodução / ESPN

Torcedor do Flamengo beija repórter da ESPN Jéssica Dias — Foto: Reprodução / ESPN

O assédio antes do vivo

Assim como o g1, o ge teve acesso ao termo de declaração de Jéssica. A jornalista afirmou que, por volta das 18h, quando aguardava a vez para entrar ao ar, Marcelo “começou a gritar, proferindo xingamentos, reclamando da demora para o início da reportagem”.

Jéssica se virou para ele e pediu que parasse com os xingamentos e se acalmasse. Marcelo se aproximou, pediu desculpas, mas botou a mão no ombro dela e o beijou.

A repórter se esquivou, e Marcelo, agora em frente à câmera, tentou dar outro beijo. O repórter-cinematográfico que a filmava interveio, ordenando que o torcedor se afastasse.

Jéssica, então, entrou no ar — com Marcelo atrás dela.

O assédio que foi ao ar

Jéssica passou a narrar a chegada da torcida do lado de fora do estádio. Marcelo e outros rubro-negros gritavam e pulavam. No fim da entrada da repórter, ele, sem autorização, deu um beijo em seu rosto.

Segundo a ESPN, a equipe que acompanhava Jéssica conseguiu segurar Marcelo e pediu a PMs que o levassem para a delegacia.

O homem foi levado para a 19ª DP (Tijuca).

O Flamengo e a ESPN repudiaram a atitude do rubro-negro.

“O Clube de Regatas do Flamengo repudia o assédio cometido por um torcedor rubro-negro com a jornalista da ESPN Jéssica Dias durante reportagem antes da partida desta noite. É lamentável que atos repugnantes como este, que não representam a Nação Rubro-Negra, ainda aconteçam.”

Também em nota, a ESPN afirmou que “a repórter Jéssica Dias foi vítima de assédio na porta do Maracanã, onde trabalhava na cobertura de Flamengo x Velez”.

“Atitudes como essa não cabem hoje no nosso planeta, seja em um jogo de futebol ou na casa de qualquer mulher. Nossa equipe que acompanhava a Jéssica conseguiu segurar o agressor e pediu à polícia que o encaminhasse para a delegacia do Maracanã.

Jéssica, como toda mulher deve fazer, registrou boletim de ocorrência. A ESPN e a Disney repudiam qualquer tipo de agressão contra as mulheres. A empresa vai dar todo apoio a nossa repórter e esperamos que o agressor seja punido com todo o rigor que a lei permite.”

“O Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro confirma que foi convertida em preventiva a prisão de Marcelo Benevides Silva após audiência realizada no posto avançado do Juizado do Torcedor e dos Grandes Eventos, durante o plantão no estádio do Maracanã na quarta-feira (7/9).”

Comentários


Cotidiano

Harry Kane desencanta, Inglaterra bate Senegal e avança às quartas

Publicado

em

OGol

O primeiro tempo não foi fácil, mas a Inglaterra não deu chance para o azar e estará nas quartas de final da Copa do Mundo. Os ingleses venceram Senegal por 3 a 0 em grandes atuações de Phil Foden, Jude Bellingham e Harry Kane e garantiram vaga na próxima fase do mundial.

A Inglaterra enfrentará a França no próximo sábado, às 16h. As duas seleções definiram um semifinalista do lado oposto ao de Brasil e Argentina no chaveamento; Portugal e Espanha, que jogam no domingo, podem estar no caminho das seleções.

Inglaterra é fatal nos momentos finais

O jogo começou com o cenário que já era esperado: a Inglaterra tentava tomar a iniciativa e comandava a posse de bola, enquanto Senegal buscava fechar espaços a ativar seus jogadores de frente em contra-ataque. Os primeiros minutos foram de muita cautela por ambas as equipes, com os ingleses marcando muito forte a saída de bola da seleção africana.

Quando parecia que a Inglaterra começaria a ser mais efetiva e agressiva, o jogo continuou muito lento, sem os ingleses conseguirem agredir o adversário no terço final. Senegal, por sua vez, seguia contida preocupando-se mais em se defender. Em tiro de canto, Foden fez levantamento na área e Stones desviou de cabeça, mas a bola passou por cima do gol.

O primeiro contra-ataque de Senegal quase foi fatal. Maguire saiu jogando errado, os senegaleses aceleraram a jogada e Sarr quase abriu o placar em finalização na grande área. John Stones apareceu bem para bloquear o chute – sem pênalti por toque de mão, apesar de pedido dos africanos. Pouco depois, mais uma chance: Dia recebe na esquerda da área e bateu cruzado, mas Pickford salvou a Inglaterra.

Nos minutos finais, Senegal tentou aproveitar o momento para seguir em cima, mas o futebol fez das suas: aos 40 minutos, Harry Kane achou Bellingham na esquerda do ataque e o meia de 19 anos ajeitou para Henderson chegar batendo de primeira com o gol praticamente vazio. 1 a 0 para a Inglaterra na primeira finalização certa dos comandados de Southgate na partida. Nos acréscimos, ainda deu tempo de Bellingham participar muito bem mais uma vez acionando Foden em contra-ataque. O atacante do City não foi egoísta e ajeitou para Harry Kane enfim marcar o seu primeiro no mundial: 2 a 0 para os ingleses.

Classificação com um toque de Phil Foden

Para o segundo tempo, a seleção senegalesa voltou com três modificações, todas do meio para frente. No entanto, a Inglaterra seguiu marcando em cima e sendo protagonista da maioria das ações ofensivas do jogo. Aos nove minutos, Kane serviu Saka e o atacante tentou chute de pé direito, mas não pegou muito bem na bola e finalizou para fora.

A Inglaterra estava muito confortável em campo e o terceiro gol parecia questão de tempo e eficiência. Aos 13 minutos, Foden apareceu muito bem mais uma vez e deu sua segunda assistência na partida: cruzou por baixo para Saka completar de primeira na área e deixar os ingleses com um pé nas quartas de final. 3 a 0.

Com uma vantagem tão larga, naturalmente o ritmo da partida diminuiu e as chances de gols foram ficando escassas. Senegal chegou a levar perigo em cobrança de falta de Sarr, mas a bola passou à esquerda do gol de Pickford. Southgate passou a utilizar suas alterações para descansar alguns titulares, já visando o grande jogo de sábado.

Comentários


Continue lendo

Cotidiano

Diretoria do Humaitá fecha a contratação de Felipinho

Publicado

em

FOTO Jhon Silva: Felipinho é um atleta de confiança da comissão técnica

phdesporteclube

Mais um pedido do técnico Álvaro Miguéis foi atendido pela diretoria do Humaitá. O meia Felipinho é mais uma contratação para a temporada 2023, quando o Tourão irá disputar o Campeonato Estadual, as Copas Verde e do Brasil e o Campeonato Brasileiro da Série D.

Início da preparação

Os dirigentes do Humaitá devem confirmar nesta semana o início da preparação. O Tourão terá um primeiro semestre com três competições e por isso a pré-temporada será fundamental para os treinamentos e montagem da equipe

Treinador confiante

Álvaro Miguéis deve ter no Humaitá a base vitoriosa das campanhas no Atlético. O treinador demonstra confiança para ganhar o bicampeonato acreano e realizar grandes campanhas em nível nacional.

Comentários


Continue lendo

Cotidiano

Alifi acerta com Rio Branco e ganha grande oportunidade

Publicado

em

FOTO: Alifi jogou a Copa Verde pelo Estrelão e seguirá no elenco em 2023

PHDEsporteClube

O meia Alifi, ex-Adesg, vai jogar o Campeonato Estadual 2023 pelo Rio Branco. A contratação foi confirmada neste fim de semana e é o terceiro atleta anunciado pela diretoria do Mais Querido.

Semana importante

O Rio Branco vai viver uma semana importante com relação a definição da próxima temporada.

O presidente Valdemar Neto deve se reunir com o técnico Ulisses Torres para fechar o planejamento.

Reforços importados

Valdemar Neto avalia a possibilidade de realizar 11 contratações fora do estado visando o Estadual. Chegar nas finais do acreano é fundamental para garantir calendário nacional em 2024.

Comentários


Continue lendo

Em alta