Ariclene Firmiano e José Valdenes participaram da fuga em massa do maior complexo penitenciário do Estado

Policiais da Delegacia de Combate às ações criminosas organizadas (DECCO) e da Coordenadoria de Recursos Especiais (CORE) participaram da operação policial.

Os acusados de latrocínio Ariclene Firmiano da Silva e José Valdenes Viana da Silva, que estavam foragidos da justiça do Acre, foram presos no Recife.

A ação policial ocorreu na manha desta quinta-feira (17), durante o cumprimento de mandados de busca e apreensão. Policiais da Delegacia de Combate às ações criminosas organizadas (DECCO) e da Coordenadoria de Recursos Especiais (CORE) participaram da operação policial.

Ariclene Firmiano e José Valdenes participaram da fuga em massa do maior complexo penitenciário do estado/Foto: Reprodução

Ariclene Firmiano e José Valdenes participaram da fuga em massa do maior complexo penitenciário do Estado, no dia 19 de janeiro deste ano. No total 26 detentos fugiram do presídio.

Ariclene cumpre pena pelo assassinato da empresária Janete Pinheiro, crime ocorrido em janeiro deste ano. Já José Valdenes, foi condenado pelo latrocínio do policial militar Marcos Roberto, ocorrido em Dezembro de 2014, em Cruzeiro do Sul.

Comentários