Quem solicitou isenção em 2019 pode pedir novamente. O resultado dos pedidos será divulgado dia 24 de abril, com possibilidade de recursos entre 27 e abril e 1º de maio.

O Ministro da Educação, Abraham Weintraub, faz balanço sobre a realização do Enem 2019 (10.nov.2019)
Noeli Menezes Da CNN, em Brasília

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) publicou nesta terça-feira (31) os editais das versões impressa e digital do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020.

As inscrições devem ser feitas entre 11 e 22 de maio, e o candidato terá que escolher apenas uma das versões, digital ou impressa, sem possibilidade de alterar a opção após a conclusão da inscrição. O acesso pode ser feito por meio da Página do Participante ou do Aplicativo Enem. A versão digital do exame será aplicada nos dias 11 e 18 de outubro, e a impressa, em 1º e 8 de novembro.

Segundo o Inep, a implantação do Enem digital será progressiva até 2026 e atenderá até 100 mil candidatos neste primeiro ano. O valor da taxa de inscrição é de R$ 85, que deverá ser pago até 28 de maio, por meio de Guia de Recolhimento da União (GRU).

______________

O instituto informa ainda que a estrutura do exame não foi alterada e será mantida a aplicação de quatro provas objetivas, com 45 questões cada e uma redação em língua portuguesa. No ato da inscrição, o participante pode escolher uma opção de língua estrangeira (inglês ou espanhol).

______________

A partir de 6 de abril, pode solicitar isenção de taxa de inscrição o candidato que se enquadra em um dos seguintes perfis: está cursando a última série do ensino médio neste ano em escola da rede pública; cursou todo o ensino médio em escola da rede pública ou como bolsista integral na rede privada e tem renda per capita familiar igual ou menor que um salário mínimo e meio; é de família de baixa renda com NIS (Número de Identificação Social) válido, com renda familiar per capita de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até três salários mínimos.

Quem solicitou isenção em 2019 e não realizou a prova pode pedir novamente desde que faça justificativa de ausência. O resultado dos pedidos será divulgado dia 24 de abril, com possibilidade de recursos entre 27 e abril e 1º de maio.

O participante com necessidade especializada (gestantes, lactantes, idosos e estudantes em classe hospitalar) pode solicitar esse atendimento entre 11 e 22 de maio, no Sistema Enem, que também receberá pedidos para tratamento por nome social, entre 25 e 29 de maio.

Comentários