Conecte-se conosco

Acre

Tragédia na BR-364: motociclista morre após colisão próxima ao Aeroporto de Rio Branco

Publicado

em

Por Acre News

O que seria mais uma entrega para o motoboy Orleir dos Santos Lima, de 49 anos, terminou de maneira trágica. Orleir, que trafegava pela BR-364 sentido Aeroporto em uma motociclista modelo CG, teria feito uma manobra proibida à esquerda quando foi atingido por uma CB 500 que estava no mesmo sentido.

O impacto foi de extrema violência. Os dois condutores foram jogados contra o solo. Orleir dos Santos não resistiu aos ferimentos e morreu no local. O condutor da outra motocicleta sofreu fratura em um dos braços e foi encaminhado ao Pronto-Socorro de Rio Branco

Comentários

Acre

Prefeito de Rio Branco recebe visita institucional do deputado estadual Luiz Gonzaga

Publicado

em

O prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, acompanhado do assessor especial de Articulação Institucional, Helder Paiva, recebeu na tarde desta sexta-feira (27), uma visita institucional do deputado estadual Luiz Gonzaga (PSDB).

O parlamentar, que também ocupa o cargo de primeiro-secretário da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), se colocou à disposição para apoiar as melhorias que serão executadas pela gestão em prol da população.

“Muito feliz pelo trabalho que tem sido feito pela Prefeitura de Rio Branco. O prefeito tem se dedicado. Temos visto o trabalho que ele tem feito na limpeza de rua, recuperação das vias. Muito bom visitar o prefeito e ver o trabalho que está sendo realizado na cidade de Rio Branco”, disse.

O prefeito agradeceu pela visita do deputado, que é seu amigo de longas datas, e reafirmou a parceria entre município e estado.

“Para a prefeitura é muito importante que estabeleçamos uma relação entre a Prefeitura de Rio Branco e o Governo do Estado, onde a Assembleia Legislativa é fundamental. Não tenho dúvida nenhuma que quem ganhará com isso será o povo de Rio Branco”, enfatizou.

Comentários

Continue lendo

Acre

Gonzaga propõe parceria com ISE para capacitar menores infratores e ingressá-los no mercado de trabalho

Publicado

em

O deputado estadual Luiz Gonzaga (PSDB) se reuniu nesta sexta-feira (27) com o presidente do Instituto Socioeducativo do Estado do Acre (ISE), Coronel Mauro César, para tratar sobre a capacitação e ressocialização de menores infratores no estado do Acre.

Gonzaga colocou à estrutura da Assembleia Legislativa (Aleac), através da Escola do Legislativo, à disposição do ISE para ofertar cursos profissionalizantes aos adolescentes infratores que desejam entrar no mercado de trabalho.

“Precisamos dar opção para que esses adolescentes busquem uma formação para, em seguida, conseguir um emprego. É dessa forma que vamos diminuir a violência e impedir o ingresso de menores de idade em organizações criminosas”, disse o parlamentar.

O parlamentar também se prontificou a conversar com empresários locais e Federação das Indústrias do Acre para contratarem adolescentes que buscam formação dentro do ISE como forma de incentivar os menores a buscarem trabalho e abandonarem o mundo do crime.

“A Aleac e o ISE estão fazendo a sua parte em ofertar a esses adolescentes formação, agora cabe ao mercado usar a mão de obra desses acreanos que as vezes optam por práticas ilegais por não encontrarem oportunidade de trabalho e por enfrentarem o preconceito”, concluiu.

Comentários

Continue lendo

Acre

Polícia Federal realiza apreensão de notas falsas em Cruzeiro do Sul

Publicado

em

A Polícia Federal, nesta manhã desta sexta-feira, 27, realizou a prisão em flagrante de um indivíduo, ao receber envelopes com cédulas falsas.

A ação foi realizada em parceria com os Correios, onde foi possível identificar que um morador de Cruzeiro do Sul/AC estava adquirindo notas falsas e as recebia através de correspondências.

Desde então, os agentes passaram a monitorar a entrega do dinheiro falso. O destinatário foi abordado logo após receber a encomenda. Entre os indícios de falsidade verificados, os Policiais Federais perceberam que a numeração das notas era repetida.

O preso foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Federal, para os trâmites legais, e responderá pelo crime de Moeda Falsa (artigo 289 do Código Penal), cujas penas podem alcançar de 03 a 12 anos.

Comentários

Continue lendo

Em alta