Conecte-se conosco





Geral

“Sou a favor da todas as investigações e não vou aturar excessos”, diz Gladson

Publicado

em

Apesar do pedido de afastamento, Gladson disse que confia no secretário de Educação

Gladson Cameli, governador do Acre, durante coleta na cidade de Brasiléia – Foto arquivo

Com Contilnet

O governador do Acre, Gladson Cameli, se posicionou na manhã desta sexta-feira (12) sobre a Operação Pratos Limpos, da Polícia Civil, que investiga crimes na aquisição de cestas básicas pela Secretária de Estado de Educação, Esporte e Cultura – SEE.

Na entrevista, o governador afirmou que é a favor de todas as investigações.

_________________________

“Eu que criei a delegacia anticorrupção aqui no Acre. Eu defendo a legalidade, eu deixo a polícia trabalhar. Isso é a prova da transparência do nosso Governo”.

________________________

Gladson também falou que o valor da cesta básica de R$ 94,00 pode ser justificado pela quantidade e qualidade dos produtos, mas que a investigação que vai definir. “Não vou fazer pré-julgamento, agora quem praticar excessos tem que estar preparado para responder por seus atos”.

Apesar do pedido de afastamento do secretário de Educação por conta das investigações da operação, Gladson foi incisivo e disse que confia em Mauro Sérgio. “O professor Mauro é um pai de família, uma pessoa séria, e que tenho plena confiança. Por mim não seria afastado, a decisão foi dele”, finalizou.

Comentários

Em alta