A Secretaria Municipal de Educação, apresentou uma proposta de efetuar o pagamento de forma parcelada, proposta que foi recusada pelos servidores

O descaso por parte da Secretaria de Educação, segundo a categoria, já se estende desde o ano de 2019, quando a secretaria atrasou em até três meses o pagamento de funcionários provisórios
Com informações do i9capixaba.com

Na manhã desta sexta-feira, 13/03, os servidores da rede municipal de educação, se reuniram em Assembléia na sede do SINTEAC em Capixaba. Na pauta, os servidores discutiram sobre o pagamento das férias, auxílio alimentação e piso salarial.

Sobre o pagamento das férias dos servidores, a equipe da Secretaria Municipal de Educação, apresentou uma proposta de efetuar o pagamento de forma parcelada, proposta que foi recusada pelos servidores, que decidiram paralisar na próxima segunda-feira 16/03, em frente à Prefeitura.

A data da paralisação é no dia em que se programava para iniciar o ano letivo. Porém, gestores escolares presentes na reunião, informaram que as escolas não tem condições para iniciar as aulas.

Caos na educação municipal

Demonstrando uma total falta de planejamento e organização, a Secretaria Municipal de Educação não realizou as intervenções necessárias nas escolas para o início do ano letivo.

Como se estivessem em sono profundo no período de férias das escolas, a secretaria sequer providenciou merenda para o início das aulas. Falta lâmpadas, manutenção e material para que os alunos voltem a estudar.

O descaso por parte da Secretaria de Educação se estende desde o ano de 2019, quando a secretaria atrasou em até três meses o pagamento de funcionários provisórios.

A secretária municipal de educação Jucileide Reis, não compareceu na assembléia.

Gestores afirmam que se sentem desrespeitados pela secretaria, já que souberam da suspensão do início das aulas na semana anterior pelas redes sociais.

Os internautas (moradores), se manifestam contra a paralisação que deve acontecer na próxima segunda-feira, dia 16, em frente à Prefeitura.

Comentários