Cansada de esperar uma resposta da Prefeitura de Cruzeiro do Sul, a esposa de um caçambeiro que presta serviço para a ONG CBCN, envolvida na Operação Presságio da Polícia Federal e que mantém negócios com a Prefeitura, resolveu radicalizar. Ela e o esposo fecharam a estrada de acesso ao Aterro Sanitário de Cruzeiro do Sul.

Indignada, a mulher conta que esteve na Prefeitura para falar com o prefeito Iderlei Cordeiro, mas sem sucesso. Sem uma solução prática para o recebimento de serviços prestados, a dona de casa resolveu tomar uma medida drástica: o fechamento da rodovia.

Veja o vídeo:

Comentários