Marcos Wesdhen, de 19 anos, saiu de casa no dia 22 de dezembro e deixou de dar notícias à família no último dia 29 de fevereiro.

Por Iryá Rodrigues, G1 AC — Rio Branco

Há oito dias, uma mãe procura o filho no bairro Defesa Civil, na parte alta de Rio Branco. O jovem Marcos Wesdhen, de 19 anos, saiu de casa no dia 22 de dezembro do ano passado e desde o último dia 29 de fevereiro deixou de dar notícias à família.

A servidora pública Jeane Rodrigues contou que o filho saiu de casa após uma discussão e que continuou mantendo contato por aplicativo de mensagens. Apesar de ele não dizer onde estava para a mãe, avisava que estava bem.

“Às vezes, ele me dava notícia, eu falava com ele no Whatsaap e ele respondia, dizia que estava bem. Só que já tem muitos dias que o telefone dele está desligado, o celular nem chama e não aparece a última visualização no WhatsApp. Na madruga de 29 de fevereiro, acordei muito ansiosa e passei uma mensagem para ele e não foi entregue até agora”, disse.

A mãe afirmou que ainda não registrou queixa do desaparecimento do jovem, mas resolveu usar as redes sociais para buscar pistas sobre o desaparecimento dele.

“Infelizmente, a gente está tomado pela onda de violência então fico desesperada. Eu sou mãe e vou dizer, nenhuma mãe agora, nesse momento, sabe a dor que eu estou sentindo, porque a gente só tem noção quando sente na pele. Você ficar há dias sem saber onde ele está, com quem está, o que está fazendo, se está praticando algo ilícito. Isso para mim é desesperador”, desabafou a mãe.

Comentários