fbpx
Conecte-se conosco

Flash

Secretaria de Relações Federativas e área de esporte para a juventude do governo alinham ações para a comunidade

Publicado

em

O alinhamento de ações conjuntas visando potencializar o trabalho do governo voltado para a juventude na área de esporte foi o objetivo da reunião realizada na manhã desta segunda-feira, 29, em Brasília, entre a secretária de relações federativas em exercício, Rosângela Bardales, e o secretário adjunto de Articulação Esportiva e Juventude, Carlos Gouveia – o Carlão, acreano e campeão olímpico de vôlei com a seleção brasileira nas olimpíadas de Barcelona, em 1992.

Secretária Rosângela Bardales e o secretário adjunto Carlão, reunidos em Brasília. Foto: Dilma Tavares/Ascom Serf

O encontro ocorreu na Secretaria de Assuntos Federativos (Serf), que é o braço do governo em Brasília e responsável pela interlocução direta com os órgãos federais e demais públicos de interesse nacionais e internacionais. A secretária Rosângela relacionou, entre os exemplos dessa atuação, ações visando recursos para o Estado, via emendas parlamentares ao Orçamento da União, além do acompanhamento das ações do governo que tramitam em Brasília.

“Conte conosco, pois nosso trabalho é exatamente apoiar, acompanhar e buscar soluções necessárias para as iniciativas de interesse do governo e da população acreana em Brasília”, disse Rosângela Bardales.

Para o secretário Carlão, a ação da Serf é fundamental, principalmente em virtude dos recursos e apoios que precisará para possibilitar uma atuação do governo na área do esporte para a juventude cada vez mais próxima da comunidade. A secretaria adjunta dirigira por ele integra a estrutura da Secretaria Estadual de Educação, Cultura e Esporte (SEE).

“Esse é um sonho que tem o incentivo do governador Gladson Cameli, e a Serf é fundamental para conseguirmos apoios com este objetivo em Brasília”, disse o secretário adjunto, explicando que essa é uma ação de sucesso que realizou em Florianópolis (SC), onde atuou na área, e que visa implementar no Acre, inclusive envolvendo as demais secretarias de governo.

Rosângela Bardales e outros servidores da Serf com secretário adjunto Carlão. Foto: Dilma Tavares/Ascom Serf

Carlão cumpre diversos compromissos em Brasília, incluindo integrantes da bancada federal do Acre. A partir desta terça-feira, 30, até a quarta-feira, 31, ele participará do Seminário Nacional de Gestores e Gestoras de Juventude, no Auditório do Anexo I do Palácio do Planalto. Na visita à Serf ele estava acompanhado do assessor da secretaria de governo, Ronivon Santiago.

Comentários

Continue lendo

Flash

Prefeitura de Brasiléia promove formação para professores de Educação Infantil

Publicado

em

A cidade de Brasiléia, por meio da Secretaria de Educação, dá início a um importante percurso formativo para os professores do Ensino Infantil. Com o objetivo de promover a oralidade, leitura e escrita nesta etapa crucial da educação, a iniciativa faz parte do Compromisso Nacional Criança Alfabetizada.

Na noite de terça-feira, 23 de abril, cerca de 70 professores da rede municipal de Educação Infantil se reuniram para o primeiro encontro desta formação. O evento contou com a presença de autoridades educacionais, incluindo o Coordenador de Ensino, Jesus Bispo, a Coordenadora de Ensino Infantil, Elizangela Ferreira, e a Gestora da Escola Menino Jesus, Maria Castro.

O principal objetivo desta iniciativa é garantir uma educação de qualidade desde os primeiros anos de vida escolar. A formação visa capacitar os professores para proporcionar um ambiente propício ao desenvolvimento das habilidades de comunicação e alfabetização das crianças, fundamentais para o seu sucesso acadêmico futuro.

Este compromisso com a formação continuada dos educadores reflete o empenho da Prefeitura de Brasiléia em oferecer uma educação infantil de excelência, preparando as novas gerações para os desafios do mundo moderno.

Comentários

Continue lendo

Flash

Vídeo: Alvo da Operação “Portas Abertas” tem habeas corpus negado

Publicado

em

O policial penal Romilson da Silva, foi preso no dia cinco deste mês, em Rio Branco. O agente de segurança pública, foi um dos alvos da Operação Portas Abertas, deflagrada pela Policia Civil.

A ação policial investiga uma possível facilitação de agentes públicos, na rebelião que deixou cinco mortos, em julho do ano passado, no presídio de Segurança Máxima Antônio Amaro Alves.

Quase três semanas após a operação da operação. A defesa do policial penal ingressou com a liminar de um habeas corpus.

No recurso, o advogado alegou que não há justificativa para a decretação da prisão preventiva e destacou que o Romilson, tem condições pessoais favoráveis, como bons antecedentes e residência fixa.

Mas na decisão, que negou o pedido, o desembargador Francisco Djalma disse, que a concessão de medida liminar em sede de habeas corpus, só é admitida em caráter excepcional, quando houve flagrante ilegalidade ou abuso de poder.

Ele disse também, que o juiz de primeiro grau, justificou a prisão do policial penal para a garantia da ordem pública.

Ainda na operação deflagrada no dia cinco deste mês, outros quatro policiais penais foram afastados das funções por 90 dias.  O inquérito do caso, ainda não foi finalizado.

Comentários

Continue lendo

Flash

OPERAÇÃO PF PF deflagra operação contra o abuso sexual infantojuvenil no Acre

Publicado

em

A Polícia Federal deflagrou, nesta quarta-feira (24/4), a Operação Videochamada, que visa combater a produção, o compartilhamento e o armazenamento de conteúdo de abuso sexual infantojuvenil.

Participaram da ação seis policiais federais, que deram cumprimento a um mandado de busca e apreensão, expedido pela 2ª Vara da Infância e Juventude da Comarca de Rio Branco/AC.

Os policiais objetivam encontrar elementos probatórios que ratifiquem a participação do investigado nos fatos em apuração, o que poderá resultar em novas diligências e na identificação de outros envolvidos na prática criminosa.

A investigação teve início em dezembro de 2023 a partir de notícia de crime encaminhada à Polícia Federal.

Se confirmada as hipóteses criminais, o investigado poderá responder pelos delitos de produção, compartilhamento e armazenamento de conteúdo pornográfico infantojuvenil, cujas penas, somadas, podem chegar a 18 anos de reclusão.

Comentários

Continue lendo