Eleições-2014

Da redação

A política no Acre não é diferente do resto do Brasil. As especulações publicadas em meios de comunicação no Estado, mostra que nomes estão se destacando nestes últimos dois meses de companha, que começou mais calmo do que água de poço.

Depois do fracasso da Seleção Brasileira na Copa do Mundo, somente agora a política está voltando a passos da Cuã: “Se não chegar hoje, chega amanhã”. Neste embalo, a coligação a deputado federal pelo PV-DEM-PMN, poderá eleger Joaquim Lira (DEM), que disputa uma vaga com o candidato Normando Sales (DEM).

Joaquim Lira (DEM), vem se articulando bem com os prefeitos da regional do Alto Acre, mas na Capital acreana tem pouco acesso, ao contrário do colega Normando. Já na coligação do Marcio Bittar (PSDB), Por Um Acre Melhor, tem o candidato Edson Braga (PSDB), que recentemente colocou sua campanha na rua, vem encontrando boa aceitação.

Brasiléia foi um dos municípios contemplados pelo Alto Acre, com esses dois candidatos que são nascidos na cidade. Muitos dos moradores estão empenhados em uma campanha de valorizar o voto regional, tema esse também debatido por comunicadores da fronteira.

Com a falta de representantes que possam ajudar a regional na Câmara Federal, esses defendem e estão lutando para que tenham uma grande adesão às candidaturas regional, tentando conscientizar a população em não votar em candidatos de fora.

Comentários