fbpx
Conecte-se conosco

Esporte

Red Bull Bragantino conquista mais uma vitória na Copa Sul-América

Publicado

em

Na noite desta quinta-feira (9), no Nabizão, o Massa Bruta venceu o Racing (ARG) por 2 a 1 pela quarta rodada da fase de grupos da competição. Thiago Borbas marcou os gols do Braga. Solari descontou para os argentinos.

Com este resultado, o Massa Bruta chegou aos nove pontos na segunda posição do Grupo H, atrás do Racing (ARG) apenas pelo critério de desempate.

A próxima partida do Braga na competição será na quinta-feira (16) contra o Sportivo Luqueño (PAR), no Paraguai. Antes disso, pelo Brasileirão, o time de Bragança Paulista enfrenta o Bahia neste domingo (12), em Salvador.

O jogo

O Massa Bruta começou o jogo de forma avassaladora. Logo aos 4 minutos, Sasha passou para Eric Ramires no meio de campo e viu o companheiro dar um lindo passe em profundidade para Thiago Borbas. O uruguaio disparou em velocidade e bateu rasteiro na saída do goleiro Arias para abrir o placar.

Três minutos depois, mais um gol de Thiago Borbas. Depois de receber passe de Eric Ramires, Sasha acertou a trave em um chute cruzado na área. Bem posicionado, Borbas só precisou dar um tapa para o gol vazio para ampliar o marcador.

A primeira boa finalização do Racing (ARG) foi aos 14 minutos com chute de Rojas, mas Cleiton espalmou para escanteio. O Braga respondeu dois minutos depois com uma finalização perigosa de Henry Mosquera. O colombiano driblou dois marcadores e bateu dentro da área, porém a bola passou ao lado da trave direita.

O Racing reagiu e diminuiu o placar aos 25 minutos com um gol de Solari. A equipe argentina ainda exigiu outra boa defesa de Cleiton aos 34 minutos. O goleiro do Massa Bruta precisou mandar para escanteio novamente.

O Braga voltou a finalizar aos 42 minutos com Nathan Mendes. Depois de tabelar com Matheus Fernandes na área, o lateral deixou o marcador no chão e bateu de esquerda, porém a bola passou por cima do travessão.

O Massa Bruta voltou a assustar o rival no recomeço da partida. Aos 8 minutos do segundo tempo, Henry Mosquera passou por dois marcadores e bateu forte, obrigando o goleiro Arias a mandar para escanteio. Mosquera finalizou mais uma vez aos 17 minutos, e novamente Arias espalmou.

Aos 24 minutos, Cleiton fez mais uma grande defesa em um chute de Adrián Martínez, salvando o Braga de sofrer o empate.

A equipe de Bragança Paulista ainda teve mais uma chance com Vitinho, aos 42 minutos, porém a finalização saiu em cima do goleiro Arias. O Racing buscou o empate até os minutos finais, mas o Massa Bruta foi eficaz na marcação e garantiu mais sua terceira vitória na Copa Sul-Americana.

FICHA TÉCNICA 

Red Bull Bragantino 2 x 1 Racing (ARG)

Local: Nabizão;
Público: 4.850;
Renda: R$ 162.135,00;
Árbitro: Kevin Ortega-PER;
Assistentes: Michael Orue-PER e Jesus Sanchez-PER;
Cartões amarelos: Di Cesare, Adrián Martínez e Baltasar Rodríguez (RAC); Gustavo Neves (Red Bull Bragantino);
Gols: Thiago Borbas, aos 4min e aos 7min do 1ºT (Red Bull Bragantino); Solari, aos 25min do 1ºT (RAC);

Red Bull Bragantino: Cleiton; Nathan Mendes, Eduardo, Luan Cândido e Juninho Capixaba; Matheus Fernandes, Gustavo Neves (Lucas Cunha) e Eric Ramires (Jadsom); Eduardo Sasha (Lucas Evangelista), Thiago Borbas (Talisson) e Henry Mosquera (Vitinho). Técnico: Pedro Caixinha.

Racing: Arias; Di Cesare, Santiago Sosa (Roger Martínez) e García Basso; Mura (Martirena), Zuculini, Almendra (Nardoni) e Gabriel Rojas; Salas (Baltasar Rodríguez), Adrián Martínez e Solari (Carbonero). Técnico: Gustavo Costas.

Fonte: Esportes

Comentários

Continue lendo

Esporte

Palmeiras vence o Bragantino e cola na liderança do Brasileirão

Publicado

em

Por

O Palmeiras segue em ascensão no Campeonato Brasileiro e conquistou sua quarta vitória consecutiva nesta quinta-feira (20.06).

No Allianz Parque, o Verdão venceu o Red Bull Bragantino por 2 a 1, com gols de Raphael Veiga e Rony, pela décima rodada da competição. Matheus Fernandes, ex-jogador do Palmeiras, descontou para os visitantes.

Com esse resultado, a equipe comandada por Abel Ferreira alcança a terceira posição na tabela, somando 20 pontos, empatado com o Botafogo, que fica à frente pelo critério de gols marcados. O Flamengo lidera o campeonato com apenas um ponto a mais. O Bragantino fica na oitava posição, somando 15 pontos.

A partida foi bastante movimentada desde o início. O Palmeiras teve as primeiras chances de abrir o placar, mas foi o Bragantino quem assustou primeiro. No entanto, foi o Verdão que saiu na frente com um gol de Raphael Veiga aos 20 minutos. Rony ampliou a vantagem para os mandantes, mas Matheus Fernandes diminuiu para os visitantes.

No segundo tempo, o Bragantino conseguiu empatar rapidamente, mas Rony recolocou o Palmeiras à frente do placar. A partida seguiu disputada, com chances para os dois lados, mas o Verdão conseguiu segurar a vitória até o apito final. Com um desempenho consistente, a equipe alviverde segue em busca do topo da tabela do Brasileirão.

O próximo desafio do Verdão será contra o Juventude, no domingo, no Allianz Parque, às 18h30 (horário de Brasília). Já o Red Bull Bragantino enfrenta o Vitória, no mesmo dia e horário, no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 2 X 1 BRAGANTINO

Data: 20/06/2024
Horário: 21h30 (de Brasília)
Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Árbitro: Anderson Daronco (Fifa-RS)
Assistentes: Maira Mastella Moreira (Fifa-RS) e Michael Stanislau (RS)
VAR: Daiane Muniz (VAR-Fifa-SP)
Cartões amarelos: Eric Ramires e Vitinho (Red Bull Bragantino)
Público: 29.119 torcedores
Renda: R$ 2.155.800,48

GOLS: Raphael Veiga, aos 20 minutos do 1°T, e Rony, aos nove minutos do 2°T (Palmeiras).
Matheus Fernandes, aos três minutos do 2°T ( Bragantino)

PALMEIRAS: Weverton; Mayke, Naves, Murilo e Piquerez; Zé Rafael (Fabinho), Aníbal Moreno, Gabriel Menino (John John) e Raphael Veiga (Vanderlan); Estêvão (Garcia) e Rony (Flaco López). Técnico: Abel Ferreira

RED BULL BRAGANTINO: Cleiton; Nathan Mendes (Talisson), Pedro Henrique, Eduardo Santos e Juninho Capixaba; Eric Ramires (Thiago Borbas), Matheus Fernandes (Gustavo Neves) e Lucas Evangelista; Mosquera (Vitinho), Helinho e Sasha (Nacho). Técnico: Pedro Malta

Fonte: Esportes

Comentários

Continue lendo

Esporte

Flamengo vence o Bahia nos acréscimo e é líder do Brasileirão

Publicado

em

Por

Em uma emocionante partida realizada no Maracanã nesta quinta-feira (20.06), o Flamengo reassumiu a liderança do Campeonato Brasileiro ao vencer o Bahia por 2 a 1.

Com o resultado, o Rubro-Negro carioca chegou aos 21 pontos, ultrapassando o rival Botafogo. Já o time baiano, que segue entre os líderes da Série A, caiu para a quinta posição com 18 pontos.

O primeiro gol da partida foi marcado pelo Flamengo, com Gerson balançando as redes no primeiro tempo. O Bahia não demorou para reagir e igualou o placar com um gol de Everaldo. Porém, nos acréscimos da etapa final, David Luiz garantiu a vitória do time carioca.

O confronto começou movimentado, com ambas as equipes buscando o ataque. O Flamengo teve mais posse de bola, mas o Bahia assustou primeiro com um chute forte de Cauly aos cinco minutos. O Rubro-Negro cresceu na partida e abriu o placar aos 23 minutos com um belo chute de Gerson.

Após o gol, o Bahia reagiu e conseguiu empatar com Everaldo aos 34 minutos. O restante da partida foi equilibrado, com boas chances para ambos os lados, mas foi nos acréscimos que o Flamengo garantiu a vitória, com um gol de David Luiz.

Com uma atuação sólida, o Flamengo assegurou os três pontos e a liderança do Brasileirão, mostrando sua força na competição e deixando os torcedores empolgados para os próximos desafios.

Na próxima rodada, o Flamengo terá um clássico contra o Fluminense no Maracanã, no domingo, às 16 horas (horário de Brasília). Enquanto isso, o Bahia receberá o Cruzeiro na Fonte Nova, também no domingo, no mesmo horário.

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 2 X 1 BAHIA

Local: Estádio do Maracanã, RJ
Data: 20/06/2024
Horário: 20h (de Brasília)
Árbitro: Bráulio da Silva Machado (SC-Fifa)
Assistentes: Nailton Júnior de Sousa Oliveira (CE-Fifa) e Eduardo Gonçalves da Cruz (MS)
VAR: Rafael Traci (SC)

GOLS: Gerson, aos 23 minutos do primeiro tempo; David Luiz, aos 48 minutos do segundo tempo (Flamengo) / Everaldo, aos 34 minutos do primeiro tempo (Bahia)
Cartões amarelos: Léo Ortiz (Flamengo) / Jean Lucas (Bahia)

FLAMENGO: Rossi; Wesley, David Luiz, Léo Pereira e Ayrton Lucas (Cleiton); Léo Ortiz (Evertton), Gerson e Lorran (Gabriel); Luiz Araújo (Allan), Everton Cebolinha (Bruno Henrique) e Pedro. Técnico: Tite

BAHIA: Marcos Felipe; Gilberto, Gabriel Xavier, Kanu e Luciano Juba; Caio Alexandre (Rezende), Jean Lucas, Everton Ribeiro (De Pena) e Cauly (Biel); Everaldo (Ademir) e Thaciano (Estupiñan). Técnico: Rogério Ceni

Fonte: Esportes

Comentários

Continue lendo

Esporte

Vitória vence o Atlético-MG por 4 x 2 pela 10ª rodada do Brasileirão

Publicado

em

Por

Na décima rodada do Campeonato Brasileiro, o Atlético-MG foi derrotado pelo Vitória por 4 a 2 em partida realizada no Barradão, na noite desta quinta-feira. Matheuzinho, Willian Oliveira (2x) e Culebra (Eryc Castillo) balançaram as redes para o Leão da Barra, enquanto Gustavo Scarpa e Palacios descontaram para o Galo.

Com esse resultado, o Vitória conquistou sua segunda vitória consecutiva e subiu na tabela, alcançando a 15ª posição com nove pontos, deixando a zona de rebaixamento. Já o Corinthians foi afundado no Z4, ocupando a 18ª colocação com sete pontos. Enquanto isso, o Atlético-MG, com muitos desfalques, amargou sua segunda derrota seguida e permanece em 10º lugar, somando 13 pontos.

Na próxima rodada, o Atlético-MG enfrentará o Fortaleza na Arena MRV, enquanto o Vitória visitará o Red Bull Bragantino no Nabi Abi Chedid, ambos os jogos marcados para domingo, às 18h30 (horário de Brasília).

O primeiro lance de perigo foi do Vitória, com Matheuzinho arriscando de fora da área e mandando para fora. Pouco depois, o Atlético-MG teve um gol anulado por impedimento de Cadu.

O Vitória abriu o placar com Matheuzinho, mas o Galo empatou com Scarpa convertendo pênalti. O time da casa ampliou com Willian Oliveira e Culebra, enquanto o Atlético-MG descontou com Palacios.

Apesar da pressão do Atlético-MG na segunda etapa, o Vitória conseguiu marcar mais um gol, garantindo a vitória por 4 a 2.

FICHA TÉCNICA

VITÓRIA 4 X 2 ATLÉTICO-MG

Data: 20/06/2024
Horário: 18h30 (de Brasília)
Local: Estádio Barradão, em Salvador (BA)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (CE)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (Fifa-RS) e Renan Aguiar da Costa (CE)
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (VAR-Fifa-SP)

GOLS: Matheuzinho, aos 7′ do 1ºT; Willian Oliveira, aos 44′ do 1ºT e aos 21′ do 2ºT; Eryc Castillo, aos 31′ do 2ºT (Vitória) / Gustavo Scarpa, aos 12′ do 1ºT; Palacios, aos 42′ do 2ºT (Atlético-MG)
Cartões amarelos: Caio Vinícius, aos 34′ do 1ºT; Luan, aos 49′ do 1ºT (Vitória) / Rômulo, aos 36′ do 1ºT (Atlético-MG)

VITÓRIA: Lucas Arcanjo, Raúl Cáceres (Pablo), Caio Vinícius, Wagner Leonardo e Lucas Esteves; Willian Oliveira, Luan (Fábio) e Léo Naldi (Rodrigo Andrade); Matheuzinho (Jean Mota), Alerrandro e Osvaldo (Culebra – Eryc Castillo). Técnico: Thiago Carpini

ATLÉTICO-MG: Everson, Saravia, Battaglia, Bruno Fuchs e Rômulo (Alan Kardec); Igor Gomes, Alisson (Palacios), Zaracho e Gustavo Scarpa; Pedrinho (Robert) e Cadu (Isaac). Técnico: Gabriel Milito

Fonte: Esportes

Comentários

Continue lendo